Lance Família Pracidelli pode ser bi da Libertadores pelo Palmeiras

Família Pracidelli pode ser bi da Libertadores pelo Palmeiras

Campeão da Libertadores em 1999 pelo Verdão, Carlos Pracidelli tem filho na comissão técnica do atual elenco palmeirense

Lance
  • Lance | por Lance

Carlos e Rudy Pracidelli foram campeões juntos do Brasileiro de 2018

Carlos e Rudy Pracidelli foram campeões juntos do Brasileiro de 2018

Cesar Greco/Divulgação Palmeiras

O sobrenome Pracidelli tem ligação com o Palmeiras, dentro e fora de campo. A família palmeirense teve Carlos, o pai, campeão da Copa Libertadores de 1999 como preparador de goleiros e responsável por “apresentar” São Marcos ao mundo. Mais de 20 anos depois, chegou a vez do filho, Rudy, ter a chance de sentir o gostinho da América.

Rudy Pracidelli é preparador físico do clube e, no próximo sábado (30), pode seguir os passos do pai e fazer a família ser a única bicampeã da Copa Libertadores pelo Palmeiras.

Em 1999, Rudy sofreu com as penalidades no Palestra Italia e vibrou como milhões ao ver o pênalti de Zapata ir para fora. Momentos depois, recebeu o pai em casa. Duas décadas mais tarde, é o pai quem vislumbra o encontro.

– Ele tinha 17 para 18 anos e sofreu como todos naquela final, ainda mais da maneira que foi, nos pênaltis. Lembro que o encontro com ele, meu outro filho e a esposa foi cheio de euforia. Gritamos ‘é campeão’ e nos abraçamos. Espero, sempre com respeito ao Santos, que isso se repita para eu dar um beijo gostoso nele. Imagina o meu filho entrando para a história? – diz Carlos Pracidelli, com a voz cheia de orgulho.

A semana decisiva é especial não só para os atletas, mas para quem trabalha na comissão técnica. A experiência de Carlão é essencial para ajudar o filho neste momento.

– Converso bastante com o meu filho. Preocupação com a parte física, técnica e a presença da Covid. Tem que se proteger ao máximo para não perder ninguém por conta da doença – explica o pai. O Palmeiras não tem nenhum desfalque por coronavírus para a decisão no Maracanã.

Carlos trabalhou e foi campeão brasileiro com Rudy pelo Palmeiras em 2018, sob o comando de Luiz Felipe Scolari. Auxiliar técnico de Felipão, Pracidelli esteve com o treinador no trabalho recente pelo Cruzeiro, na Série B. A comissão se desligou do clube mineiro na segunda-feira (25).

Sobre alguma dica ao filho, ele espera que, em caso de conquista, Rudy possa saborear mais o título. Para o ex-preparador de goleiros e auxiliar do Palmeiras, ele sentiu mais as derrotas do que as vitórias e pensa que deveria ter feito diferente ao longo da vitoriosa carreira.

– Talvez, se eu tivesse alguém para me orientar lá atrás, teria saboreado mais as vitórias. Quando a gente conquista um título, saboreia muito pouco e dois, três dias depois já pensa no próximo jogo. A gente martela uma derrota por dias, meses, anos e até décadas. O que falo para ele é aproveitar mais as conquistas. Você vê a sua foto na parede, fica eternizado – completa.

O coração do pai vai bater duplamente mais forte daqui a dois dias e espera repetir o gesto de 20 anos atrás, com um abraço e obrigado, mas agora quem aguarda ansioso em casa é ele.

Curta a página do R7 Esportes no Facebook.

Abel e Cuca mudam Palmeiras e Santos, mas só um leva Libertadores

Últimas