Lance Efeito Evaristo Piza? Após a chegada do técnico, Manaus se afasta da zona de rebaixamento e sonha com acesso

Efeito Evaristo Piza? Após a chegada do técnico, Manaus se afasta da zona de rebaixamento e sonha com acesso

A contratação do treinador mudou completamente os planos da equipe manauara na Série C do Campeonato Brasileiro

Lance
Lance

Lance

Lance

Três vitórias, dois empates e quatro derrotas: essa era a situação do Manaus após o término da nona rodada da Série C. Assim, o time figurava na sétima colocação, com dois pontos a mais que o primeiro na zona de rebaixamento do Grupo A. No entanto, a realidade do time, hoje, é outra.

A chegada de Evaristo Piza marcava o início do returno para a equipe do Manaus, com o projeto de fugir do rebaixamento. Dali em diante só houve motivos para comemorar. Com apenas uma derrota em seis jogos, o Manaus, agora, é líder do Grupo A com 24 pontos, empatado com o Paysandu.

> Como seria o seu time se fosse formado apenas por jogadores da base? Veja!

- Chegamos aqui com a missão de recuperar a equipe, recuperar o bom desempenho que o time já havia apresentado e ficar longe da briga na parte de baixo da tabela. Era um cenário totalmente diferente do que temos hoje - afirmou Evaristo.

O bom momento vivido pela equipe, inclusive, é dividido pelo treinador com toda comissão técnica, diretoria e, principalmente, com os jogadores. Evaristo ainda destacou que o grupo "assimilou bem" o que lhes foi passado.

- É um trabalho de todos, meu, do André Dias, meu auxiliar, do Fausto, de toda diretoria. Mas, principalmente dos atletas. Sem eles seria impossível viver o que estamos vivendo. Eles assimilaram muito bem o que foi passado e, mais do que isso, colocaram em prática com perfeição - completou Evaristo.

> Veja a tabela da Série C

A campanha do treinador também chamou a atenção de clubes da Série B, que demonstraram intenção de contar com o trabalho do treinador. Contudo, o projeto no Norte do país falou mais alto, e Evaristo garantiu que quer concluir a "missão" no clube.

- É normal que em um momento de destaque surjam algumas situações, entretanto estou focado em conseguir essa classificação com o Manaus. Lógico que é bom ver o nome em evidência, mas quero concluir minha missão aqui e depois decidirmos nosso futuro - disse o treinador.

O Manaus tem pela frente mais três jogos para decidir a classificação, contra Botafogo-PB (quinto colocado), Ferroviário (sexto colocado) e Paysandu (segundo colocado). No primeiro turno, antes da chegada de Evaristo, foram duas derrotas e um empate nesses confrontos, mas o treinador ressalta que grupo tem a capacidade e a qualidade necessária para conseguir os três pontos nesses compromissos.

- Acho que temos capacidade de conseguir a classificação. Temos futebol para isso e a qualidade necessária para conquistar as vitórias que precisam ser conquistadas para efetivar esse objetivo. Queremos fazer história e colocar o Manaus pela primeira vez na Série B, em pouco tempo de clube - disse Evaristo.

Para animar o torcedor, os dois jogos das “decisões” que a equipe tem pela frente são em casa, onde a equipe ainda não perdeu: são cinco vitórias e dois empates, algo que pode ser o trunfo de Evaristo e seus comandados para as fases finais.

Últimas