Lance Dudu faz golaço e Palmeiras volta à semifinal da Copa Libertadores

Dudu faz golaço e Palmeiras volta à semifinal da Copa Libertadores

Camisa 7 abriu placar em linda jogada, sofreu pênalti e comandou vitória que eliminou o Colo-Colo de Valdivia e fez Verdão quebrar jejum de 17 anos

Palmeiras na semifinal


Pela primeira vez, Valdivia jogou no Allianz Parque contra o time em que mais atuou na carreira. E o Mago e seu Colo-Colo perceberam de vez, nesta quarta-feira (3), que o Palmeiras de hoje tem um ídolo decisivo: Dudu fez golaço, sofreu pênalti e comandou a vitória por 2 a 0 que coloca o Verdão nas semifinais da Libertadores depois de 17 anos.

O placar foi exatamente igual ao do jogo em Santiago. Em casa, a equipe de Luiz Felipe Scolari viu Dudu abrir o placar em linda jogada individual, aos 36 minutos do primeiro tempo. Depois do intervalo, sofreu pênalti que Borja converteu, aos sete minutos. O Palmeiras enfrentará Boca Juniors ou Cruzeiro nas semis — os argentinos venceram a ida em casa por 2 a 0 e o jogo de volta será nesta quinta, no Mineirão.

Confira quem são os artilheiros da Libertadores da América 2018

Jogo na mão, golaço do ídolo
O Verdão não perdeu o controle da partida em nenhum momento. Mesmo no primeiro tempo, quando o Colo-Colo esboçou uma marcação adiantada, com Barrios e Valdivia tentando pressionar a zaga.

Sem sofrer sustos, o time de Felipão logo viu que ganharia campo jogando em cima de Suazo, improvisado na ala esquerda.

Palmeirenses agredidas no metrô vão ao jogo da Copa Libertadores

Até que, aos 36 minutos, bem perto de Valdivia, Dudu venceu seu marcador, carregou a bola, pedalou e soltou a bomba de canhota, antes da meia-lua. Golaço. E vaga garantida.

Festa e quase golaços
O segundo tempo foi quase protocolar. O Colo-Colo não tinha muito o que fazer, mesmo com Valdivia pedindo a bola o tempo todo e Barrios se esforçando para tabelar.

Logo no início, as esperanças chilenas acabaram quando Dudu foi derrubado na área. Borja cobrou o pênalti e assumiu a artilharia da Libertadores - nove gols, ao lado de Morello, do já eliminado Santa Fé.

O resto do jogo serviu para Dudu ser exaltado e outros golaços quase aparecerem, com Bruno Henrique acertando o travessão em cobrança de falta e Deyverson se atrapalhando ao concluir linda tabela no ataque.

Outro jejum a ser batido
Após disputar semifinais da Libertadores pela primeira vez desde 2001, o Palmeiras desafia um jejum de 16 anos no sábado: voltar a vencer o São Paulo no Morumbi. O clássico é confronto direto pelo título do Brasileiro, no qual o Verdão é líder.

PALMEIRAS 2 X 0 COLO-COLO (CHI)

Local: Allianz Parque, São Paulo (SP)
Data-Hora: 3/10/2018 - 21h45
​​Árbitro: Wilmar Roldán (COL)
Assistentes: Cristian de la Cruz e Alexander Guzmán (ambos da COL)
Cartões amarelos: Zaldivia
Gols: Dudu, aos 36'1ºT (1-0) e Borja, aos 7'2ºT (de pênalti) (2-0)

PALMEIRAS: Weverton; Mayke, Antônio Carlos, Edu Dracena e Victor Luis; Thiago Santos, Bruno Henrique e Moisés; Willian (Jean, aos 37'2ºT), Dudu (Hyoran, aos 30'2ºT) e Borja (Deyverson, aos 31'2ºT). Técnico: Felipão

COLO-COLO (CHI): Orion; Zaldivia, Barroso (Morales, no intervalo), Insaurralde e Opazo; Carmona (Pinares, aos 40'2ºT), Pavez, Baeza (Campos, aos 43'1ºT), Valdivia e Suazo; Lucas Barrios. Técnico: Héctor Tapia

    Access log