Lance Derrota para a Ponte Preta encerra passagem de Ricardo Catalá pelo Guarani

Derrota para a Ponte Preta encerra passagem de Ricardo Catalá pelo Guarani

Treinador que chegou para substituir Thiago Carpini, hoje no Oeste, comandou o Bugre em apenas oito partidas na Série B do Brasileirão

Lance
Lance

Lance

Lance

No último dia 30 de setembro, o técnico Ricardo Catalá afirmou não se sentir pressionado pelos resultados ruins em seu início de passagem no Guarani.

Porém, sete dias depois de suas palavras, o clube campineiro vem a público, em nota oficial, tornar oficial a saída do treinador além de outros dois integrantes da comissão técnica do Bugre:

- O Conselho de Administração do Guarani Futebol Clube comunica o desligamento do treinador Ricardo Catalá nesta quarta feira. Também deixam o clube o preparador físico Rafael Tamarindo e o auxiliar técnico Fabiano Eller.
O Guarani Futebol Clube agradece aos profissionais pelos serviços prestados e deseja sucesso em suas carreiras.

Assim, Catalá encerra um ciclo onde esteve em apenas oito compromissos na direção da equipe, assumindo o cargo de Thiago Carpini na sétima rodada do Brasileirão da Série B e deixando o mesmo na 14ª Rodada. O retrospecto acumulado foi de uma vitória, cinco empates e duas derrotas.

Na sua chegada, o técnico de 38 anos eleito o melhor treinador do Paulistão 2020 encontrou a equipe em 16º lugar com três pontos conquistados. Agora, o Alviverde de Campinas tem 11 unidades, porém em penúltimo lugar na classificação.

Últimas