Lance Derrota de Leven, vitória de Salgado: Justiça decide não validar a eleição do Vasco do dia sete de novembro

Derrota de Leven, vitória de Salgado: Justiça decide não validar a eleição do Vasco do dia sete de novembro

Primeira Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Rio (TJ-RJ) entendeu, por maioria, que a eleição do clube do início de novembro, como se deu, não poderia ter ocorrido

Lance
Lance

Lance

Lance

Terminou na tarde desta quinta-feira o julgamento sobre a validade da eleição do Vasco do último dia 7 de novembro. No colegiado da Primeira Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Rio (TJ-RJ), o entendimento foi de que o pleito não poderia ter sido como foi. Neste molde, a vitória política de momento é de Jorge Salgado.

Por maioria dos votos, não houve provimento do recurso de Luiz Roberto Leven Siano e Roberto Monteiro. O candidato mais votado no pleito do início do mês passado e o presidente do Conselho Deliberativo do clube argumentaram pela validade daquele evento, que foi presencial e em São Januário.

Este movimento configura, por consequência, a validade da eleição do dia 14, que foi por meio eletrônico, no dia 14 de novembro, e teve Jorge Salgado como vencedor. Pela decisão da Primeira Câmara Cível, ele é o sucessor de Alexandre Campello a partir da segunda quinzena de janeiro.

-> Confira a tabela do Campeonato Brasileiro

Cabe recurso à decisão, mas é improvável que haja nova reviravolta ainda este ano. Isso porque o Judiciário entra em recesso no domingo (20/12).

Últimas