Brasil leva 47 medalhas e o segundo lugar na Copa UANA de Natação

Atletas se preparam para as seletivas pré-olímpicas durante competição

Lance

Lance

Lance

O Brasil conseguiu um total de 47 medalhas, tendo levado 36 atletas para a Copa UANA de Natação no fim de semana em Lima, no Peru. Dessas medalhas 22 foram de ouro, 11 de prata e 14 de bronze. A equipe brasileira só ficou atrás do México, que conseguiu levar 60 medalhas.

Entre os competidores brasileiros, Isabela Toniolo foi a única a receber o Troféu Eficiência. A nadadora está na categoria 11-12 anos feminino e somou um total de 43 pontos. Outro destaque é o atleta Murilo Sartori, que é candidato a uma vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. O nadador competiu no revezamento 4×50 livre misto 15-17 ao lado de Leandro Odorici, Manuela Araújo e Ana Laura Daisson, colocando o Brasil em terceiro lugar nessa prova.

Ele ficou animado em ter a oportunidade de treinar em uma piscina longa, algo que tem dificuldade de conseguir. Além de ter apontado a competição como uma preparação para a seletiva dos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020:

- A competição tem um nível alto, um nível legal para treinarmos a estratégia de prova e chegar o mais próximo possível daquilo que quero atingir daqui dois meses, na Seletiva Olímpica - ponderou.

A Copa UANA de Natação agrupa 440 atletas de 25 países das Américas do Sul, Central e Norte.