Lance Barty sofre lesão, mas sobrevive em Roland Garros

Barty sofre lesão, mas sobrevive em Roland Garros

Número 1 do mundo pediu atendimento, mas venceu estreia em três sets

Lance
Lance

Lance

Lance

Campeã de 2019 de Roland Garros e ausente do ano passado, a australiana Ashleigh Barty, número 1 do mundo, sofreu com dores na região lombar para avançar em sua estreia no Grand Slam do saibro nesta terça-feira.

A australiana superou a americana Bernarda Pera, 70ª colocada, por 2 sets a 1 com parciais de 6/4 3/6 6/2 após duas horas de partida na quadra Philipp Chatrier, a principal do Aberto da França.

Barty começou bem a partida com duas quebras, permitiu que a rival devolvesse uma delas, mas fechou. Ela passou a jogar mais passiva no segundo set e acabou sofrendo quebra para perder. No intervalo para o set final, foi atendida com dores na região lombar. Na retomada seguiu mais passiva, mas conseguiu confirmar seus saques e quebrou a rival duas vezes, a última no oitavo game com erros de forehand da adversária.

Barty havia desistido em Roma, na Itália, com problemas físicos quando vencia a americana Cori Gauff. Na ocasião teve problemas no braço direito.

A australiana venceu Miami, Stuttgart e perdeu a final de Madri e ainda venceu o WTA 500 de Melbourne antes do Australian Open na temporada.

Sua próxima rival sai do duelo entre a local Chlor Paquet , 251ª colocada, e a polonesa Magda Linette, 45ª.

Últimas