Lance Auxiliar reclama da arbitragem e pede ‘alerta’ para Palmeiras no jogo de volta da Libertadores

Auxiliar reclama da arbitragem e pede ‘alerta’ para Palmeiras no jogo de volta da Libertadores

João Martins não ficou satisfeito com a atuação do juiz argentino Fernando Rapallini

Lance
Lance

Lance

Lance

Depois de empatar em 1 a 1, na noite desta terça-feira (8), no jogo de ida contra o Libertad, o auxiliar do técnico Abel Ferreira, João Martins, não aprovou a arbitragem do árbitro argentino Fernando Rapallini.

O português declarou estar ciente sobre o desempenho da arbitragem na Libertadores e ligou o sinal de alerta para a próxima partida diante dos paraguaios na próxima terça-feira. Ele também fez questão de alegar conhecimento de jogo do time adversário.

– Nós viemos alertados do tipo de jogo do adversário. Muito duelo e muita agressividade. Houve algumas ações que, se fosse para nós, não tinham sido marcadas e para eles foi mais fácil. Mas passou. Vamos continuar a trabalhar – afirmou João Martins.

>> Confira aqui o chaveamento da Libertadores


O auxiliar também falou sobre o desempenho da equipe no Paraguai e reconheceu que o desempenho do time esteve abaixo dos últimos compromissos.

– Não foi o pior desempenho (desde a chegada de Abel), mas não foi um bom desempenho. Temos a noção disso. O jogo do adversário e o nosso demérito no primeiro tempo, tudo isso fez com que o adversário tivesse momentos mais fortes. Passes errados, perdas de bola e más decisões fez com que o adversário se sobressaísse – completou João.

Para a partida de volta, o Palmeiras não contará com o meia Lucas Lima, que foi expulso na fim do confronto. O camisa 20 entrou na parte final da etapa e levou dois cartões amarelos, tendo feito duas faltas consecutivas no intervalo de dez minutos.

Palmeiras e Libertad voltam a enfrentar no Allianz Parque na próxima terça-feira (15), às 21h30. Quem se classificar vai encontrar na semifinal o vencedor do duelo entre River Plate-ARG e Nacional-URU.

Últimas