ATP aplaude liberação de Djokovic

Entidade reforçou pedido aos tenistas para se vacinarem

Lance
Lance

Lance

Lance

A ATP emitiu um comunicado aplaudindo a decisão do juiz que liberou Novak Djokovic para entrar na Austrália proferida nesta segunda-feira, mas reforçou que pede a vacina aos seus atletas.

"A ATP respeita totalmente os sacrifícios que o povo da Austrália fez desde o início do COVID-19 e as rigorosas políticas de imigração que foram implementadas. Complicações nos últimos dias relacionadas à entrada de jogadores na Austrália, no entanto, destacaram a necessidade de compreensão, comunicação e aplicação mais claras das regras.

Ao viajar para Melbourne, fica claro que Novak Djokovic acreditava ter recebido uma isenção médica necessária para cumprir os regulamentos de entrada. A série de eventos que levaram à audiência de segunda-feira foi prejudicial em todas as frentes, inclusive para o bem-estar de Novak e a preparação para o Aberto da Austrália. Os pedidos de isenção médica dos jogadores são feitos independentemente da ATP, no entanto, estamos em contato constante com a Tennis Australia para buscar clareza ao longo desse processo. Congratulamo-nos com o resultado da audiência de segunda-feira e esperamos algumas semanas emocionantes de tênis pela frente.

De forma mais ampla, a ATP continua recomendando fortemente a vacinação para todos os jogadores do ATP Tour, que acreditamos ser essencial para o nosso esporte navegar na pandemia. Isso se baseia em evidências científicas que apoiam os benefícios para a saúde fornecidos e para cumprir os regulamentos globais de viagens, que prevemos que se tornarão mais rigorosos ao longo do tempo. Estamos encorajados que 97% dos 100 melhores jogadores sejam vacinados antes do Aberto da Austrália deste ano."

Últimas