Andrey domina ações no meio-campo e se destaca em clássico

Volante foi um dos melhores em campo contra o Botafogo

Lance

Lance

Lance

Importante na reta final do Brasileiro de 2018, terminando o ano com 6 gols e 4 assistências em 38 jogos, Andrey perdeu espaço em 2019, principalmente com Alberto Valentim no comando. Foram apenas 11 partidas como titular - 9 com Luxemburgo - de um total de somente 23 atuações. Agora, com Abel Braga, o volante vem tentando recuperar sua posição no time.

Contra o Botafogo, nesse domingo, Andrey foi titular pela 2ª vez com o treinador - havia atuado também contra o Flamengo - e foi bem. Jogando mais recuado do que de costume, fazendo a função de 1º volante, o camisa 15 liderou quase todos os fundamentos do time no clássico. Foram 47 passes certos de 49 tentados, a melhor marca do Vasco. E se engana quem pensa que foram apenas toques de lado, curtos. O meia foi o líder em assistências para finalização no jogo, com cinco, segundo dados do Footstats.

A principal virtude demonstrada pelo jogador no duelo, no entanto, foi a capacidade nos desarmes. Com seis roubos de bola, Andrey foi responsável por quase um terço das recuperações vascaínas - 19 no total. Líder do time e da partida, deu poucos espaços para o meio-campo alvinegro criar.

Apesar da derrota por 1 a 0, Abel pode tirar alguns pontos positivos do clássico para o jogo de quarta-feira, contra o Oriente Petrolero, na estreia da Copa Sul-Americana. Um deles é Andrey.

ANDREY CONTRA O BOTAFOGO
- Dados do Footstats

90 minutos em campo
5 assistências para finalização
1 finalização certa
1 finalização errada
47 passes certos
2 passes errados
6 desarmes