Lance Além da classificação: tudo que está em jogo no Choque-Rei decisivo pela Libertadores

Além da classificação: tudo que está em jogo no Choque-Rei decisivo pela Libertadores

Buscando fazer história, Palmeiras recebe o São Paulo nesta terça-feira (17), no Allianz Parque

Lance
Lance

Lance

Lance

O Palmeiras vai a campo na noite desta terça-feira (17) para tentar mudar os rumos da história contra o São Paulo na Libertadores. Com um retrospecto recente desfavorável e um tabu histórico no Choque-Rei, o time comandado por Abel Ferreira joga por mais que uma vaga nas semifinais do torneio continental.

Últimos confrontos

Depois de cinco anos de domínio quase absoluto no clássico, o Verdão passou a ter dificuldades contra rival em 2020. Além de ter perdido pela primeira vez no Allianz Parque, não venceu sequer um jogo contra o rival na temporada, algo que não acontecia desde 2013, quando o Verdão estava na segunda divisão.

A última vitória aconteceu ainda em 2019, com Mano Menezes ainda à frente do time. Desde então são oito confrontos, sendo cinco empates e três derrotas, com sete gols sofridos e apenas dois marcados.

Tabu na Liberta

Apesar da vantagem de jogar pelo empate sem gols para se classificar, em razão da regra do gol fora, o Verdão busca quebrar um longo tabu. Afinal, além de nunca ter se classificado sobre o adversário na Libertadores, o time jamais derrotou o rival na copa.

Em nove jogos, o predomínio da equipe do Morumbi foi consolidado com seis vitórias e três empates. Depois de ter eliminado o Corinthians, duas vezes, e derrotado o Santos na final da competição, resta apenas um rival a ser batido.

Carrasco de Abel

Outro fator que incomoda o vestiário alviverde é o fato de Abel Ferreira ainda não ter superado Hernán Crespo. Não bastasse a invencibilidade sobre o português, o argentino ainda derrotou o treinador em uma das três finais perdidas nesta temporada.

Muito criticado, não apenas pelos resultados, mas principalmente pelas atuações de seu time, o comandante do Verdão espera dar uma resposta à altura. A insatisfação pelo próprio desempenho é uma motivação a mais para a comissão técnica em busca de soluções para derrotar o rival.

Defesa do título

Por fim, o Palmeiras joga para seguir defendendo o título da Libertadores. Campeão da última edição sobre o Santos em pleno Maracanã, o time vai em busca de um bicampeonato inédito em sua história, que chegou próximo de acontecer em 2000, contra o Boca Juniors.

Caso avance às semifinais, será a terceira vez que o clube chega a essa fase nos últimos cinco anos, confirmando sua força no torneio continental. Após ter levado a pior no Estadual, onde também defendia a taça, o Alviverde pode dar o troco no rival.

Preparação para o duelo

Empolgada, a torcida palestrina fez uma grande preparação para o clássico. As arquibancadas do Allianz Parque foram decoradas com um grande mosaico, contendo diversas referências de conquistas do clube, além das tradicionais faixas e bandeiras.

Parte dos torcedores também pretende recepcionar o ônibus do time na chegada ao estádio pra incentivar o time. O apoio irrestrito deixa evidente o peso especial que o Choque-Rei decisivo carrega para os envolvidos.

Em busca da vitória, o Maior Campeão Nacional enfrenta o São Paulo em casa às 21h30 (de Brasília).

Últimas