Jogada 10 Eficiência ofensiva, dedicação… o que o Vasco perde com a possível saída de Pec?

Eficiência ofensiva, dedicação… o que o Vasco perde com a possível saída de Pec?

Atacante liderou pelo menos seis quesitos ofensivos do Cruz-Maltino em 2023. Proposta do futebol norte-americano seduz a 777

Jogada 10
Daniel Ramalho/Vasco

Daniel Ramalho/Vasco

Jogada 10

Com uma proposta sedutora nas mãos, o Vasco debate se vende ou não Gabriel Pec. Afinal, a investida do Los Angeles Galaxy, dos Estados Unidos, é superior a 10 milhões de dólares (cerca de R$ 51 milhões na cotação atual). A oferta agradou ao jogador, seus representantes, à 777 Partners e pode representar o fim da passagem de 15 anos do cria por São Januário. Mas se a SAF vai embolsar uma grana, o que time vai perder?

Caso a negociação seja concretizada, o Gigante da Colina deixará de ter quem melhor rendeu ofensivamente na última temporada. Afinal, Pec terminou 2023 como líder em pelo menos seis quesitos no ataque, segundo o site ‘Sofascore’. Bem como também demonstrou sua importância tática e contribuição na marcação, já que também foi o segundo em um dos aspectos defensivos (veja lista abaixo).

Além disso, de acordo com o site ‘O Gol’, o atacante foi a peça do Vasco mais utilizada em 2023, com 50 partidas das 53 possíveis (foram 52 participações no total, contando os amistosos). Ou seja, ele teve uma frequência de aproximadamente 94%, sem nenhuma lesão relevante, provando que evoluiu muito no aspecto físico. Esta foi a segunda temporada em que mais atuou, atrás apenas de 2021, em que esteve em dois jogos a mais.

No meio da campanha da Série A, houve o único momento em que Pec passou alguns jogos começando no banco. Mas, mesmo nas oito vezes em que foi reserva, demonstrou sua importância para a equipe. Afinal, marcou quatro gols em três jogos. Nesta condição, a partida mais marcante foi a vitória por 4 a 2 no clássico com o Fluminense. Na oportunidade, Pec anotou dois gols da vitória.

Números de Pec pelo Vasco em 2023

. Líder em gols, com 14
. Primeiro em participações diretas em gols, com 19, sendo cinco assistências
. Líder em grandes chances criadas, com 13
. Primeiro em finalizações no gol, com 38
. Líder em dribles certos, com 103
. Primeiro em duelos ganhos, com 252
. Segundo em desarmes, com 49

Comparativo no Brasileirão

O atacante foi o artilheiro do Vasco no Carioca e na temporada, mas no Campeonato Brasileiro ficou atrás de Vegetti, que anotou 10 gols, enquanto ele fez oito. Com relação aos desarmes, Pec foi o quarto geral na competição, com 42. Em sua frente ficaram apenas Puma, Piton e Zé Gabriel, respectivamente. Todos jogadores de defesa.

Em disputa de bolas ofensivas vencidas, ele também perde apenas para Vegetti. O Pirata argentino teve sucesso em 172 oportunidades, e Pec em 164. Contudo, nos demais quesitos, o camisa 11 é o líder em sua equipe. Com destaque para chances criadas, atributo que o colocou no top-1o de toda a competição.

Vai ter reviravolta?

As tratativas entre Vasco e Los Angeles Galaxy por Gabriel Pec estão avançadas, mas nos últimos dias Orellano pediu para deixar o Cruz-Maltino. Como ambos atuam na mesma posição e há a insatisfação do argentino, ele provavelmente será uma prioridade de venda.

Especialmente porque o Vasco investiu R$ 15 milhões na época para contratá-lo, mas com pouquíssimo retorno até o momento. O processo de adaptação ao novo país, além de algumas lesões, o atrapalharam muito. Enquanto Pec teve uma melhora de desempenho e foi decisivo. O próprio diretor de futebol, Alexandre Mattos, disse que conta com o cria, assim como a comissão técnica. Ou seja, a decisão pela venda seria exclusivamente da cúpula da 777 Partners, que visa o potencial de lucro com o negócio.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook

Últimas