Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Willian revela não ter vínculo com o Corinthians e descarta volta ao Brasil: 'Nunca mais'

Atacante vive bom momento no Fulham, da Inglaterra e revela que pretende jogar por mais quatro anos, longe de seu país natal

Futebol|Do R7

Willian saiu do Corinthians no ano passado
Willian saiu do Corinthians no ano passado Willian saiu do Corinthians no ano passado

Após uma passagem decepcionante pelo Corinthians, encerrada no ano passado, o atacante Willian, hoje jogando no Fulham, da Inglaterra, reafirmou que não pretende mais jogar em território brasileiro.

Com três gols marcados e três assistências distribuídas no campeonato inglês, o atacante de 34 anos é titular da equipe londrina e peça importante na boa campanha dos Cottagers na competição.

Na reta final da carreira, Willian revela não pretender voltar para jogar no Brasil 'nunca mais', e diz que sua prioridade é continuar no Reino Unido até penduras chuteiras.

· Compartilhe esta notícia no Whatsapp

Publicidade

· Compartilhe esta notícia no Telegram

"Eu não quero voltar para o Brasil, nunca mais. Eu já tinha esse pensamento desde antes do Corinthians. Acabou acontecendo uma situação de voltar para o clube onde eu comecei porque eu quis e o Corinthians também, mas eu já pensava em continuar até o fim na Europa", afirmou o jogador à Premier League Brasil.

Publicidade

"E agora eu pretendo encerrar aqui fora, seja na Europa, nos Estados Unidos ou outro lugar. Se puder ser na Inglaterra, seria perfeito. Pretendo jogar mais quatro ou cinco anos. Mas a gente nunca sabe porque o futebol muda bastante", completa o atacante de lado do campo.

A passagem turbulenta pelo Corinthians, marcada por uma saída precoce, antes do final do contrato e ameaças feitas ao jogador e aos familiares também foram tópicos da entrevista.

Publicidade

Willian diz respeitar o clube que o formou nas categorias de base, mas avalia não ter um vínculo com o alvinegro.

"Tenho um respeito muito grande pelo Corinthians, é o clube onde fui revelado e criado. Mas não construí minha carreira profissional no Corinthians, então não posso dizer que tenho algum tipo de vínculo. Não sei se essa é a palavra, mas algum tipo de história no Corinthians como profissional", explica o jogador, que marcou apenas um gol na segunda passagem.

"Sou grato pelo clube, vivi minha base lá, mas saí muito novo. Minha volta em 2021 foi em forma de gratidão. Sei que alguns torcedores não entenderam a minha saída, falaram que eu estava com frescura. Aí também eles só entendem o que quiserem, não tenho como agradar a todos. É um clube gigante com uma torcida muito grande, e o que passei foi com a minoria. Mas, ao mesmo tempo, foi uma minoria que causou um impacto emocional grande para a minha família e pessoas próximas a mim", completa.

Com contrato com o Fulham até o final desta temporada, o brasileiro não descarta uma renovação de contrato. "Agora precisamos esperar acabar o campeonato e ver qual será a melhor decisão", afirma.

Comportamentos estranhos, dívidas e gravidez: Tori Bowie viveu pesadelo antes de morte precoce

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.