Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Vinícius Júnior se pronuncia pela primeira vez sobre ataques racistas sofridos e dispara contra LaLiga

Jogador brasileiro sofreu racismo durante a partida deste domingo (21) entre Real Madrid e Valencia; nos acréscimos, ele foi expulso

Futebol|Do R7


Vinícius Júnior apontou para os agressores, mas nada foi feito
Vinícius Júnior apontou para os agressores, mas nada foi feito

Vinícius Júnior se pronunciou, pela primeira vez, sobre os ataques racistas que tem sofrido na Espanha. Em uma postagem nas redes sociais, ele disparou contra a LaLiga, federação reguladora do futebol espanhol. Neste domingo (21), o brasileiro foi atacado por parte da torcida do Valencia que esteve presente ao estádio de Mestalla, na Espanha, para ver o jogo do clube contra o Real Madrid, pelo Campeonato Espanhol.

Na metade do segundo tempo da partida contra o Valencia, aos 27 minutos, o atacante sofreu o racismo e identificou o torcedor que o havia insultado. O brasileiro sinalizou a ofensa para o juiz e apontou para o criminoso, mas o árbitro não paralisou a partida nem puniu o torcedor rival.

 Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp

 Compartilhe esta notícia pelo Telegram

Publicidade

Após a conversa com o árbitro, a torcida do Valencia proclamou gritos de "macaco" direcionados ao camisa 20. Nos acréscimos do jogo, aos 50 minutos da segunda etapa, o juiz expulsou Vinícius Júnior de campo por uma suposta agressão aos jogadores adversários.

Nas redes sociais, o craque do Real Madrid se pronunciou, pela primeira vez, sobre as ofensas e disparou contra as ações da LaLiga: "Não foi a primeira vez, nem a segunda e nem a terceira. O racismo é o normal na La Liga. A competição acha normal, a Federação também e os adversários incentivam. Lamento muito. O campeonato que já foi de Ronaldinho, Ronaldo, Cristiano e Messi hoje é dos racistas".

Publicidade

O brasileiro escreveu que a Espanha o acolheu e que ele ama o país, no entanto, reitera que a nação é racista: "Lamento pelos espanhóis que não concordam, mas hoje, no Brasil, a Espanha é conhecida como um país de racistas. E, infelizmente, por tudo o que acontece a cada semana, não tenho como defender. Eu concordo. Mas eu sou forte e vou até o fim contra os racistas. Mesmo que longe daqui".

Em outra rede social, Vinícius Júnior também se lamentou. "O prêmio que os racistas ganharam foi a minha expulsão", se posicionou. "Não é futebol, é LaLiga", finalizou.

Publicidade

Ele recebeu o apoio do companheiro de equipe e vencedor da Bola de Ouro, Karim Benzema. O jogador francês publicou uma imagem ao lado de Vinícius Júnior e escreveu "Irmãozinho".

Triplica valor de mercado de Vini Jr. desde saída do Flamengo, e jogador vira protagonista no Real Madrid

" gallery_id="63f7b8f219d22479520019f0" url_iframe_gallery="esportes.r7.com/futebol/vinicius-junior-se-pronuncia-pela-primeira-vez-sobre-ataques-racistas-sofridos-e-dispara-contra-laliga-21052023"]

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.