Villarreal bane torcedor que atirou banana em Daniel Alves

Em nota no site oficial, submarino amarelo também repudiou a ação 

Daniel Alves come banana jogada por racista

Daniel Alves come banana jogada por racista

Reprodução Rede Record

O Villarreal tomou uma providência quanto ao caso de racismo com o brasileiro Daniel Alves, que recebeu uma banana das arquibancadas. O clube amarelo identificou e baniu o torcedor pelo resto de sua vida dos jogos no El Madrigal.

— Graças às forças de seguranças e à inestimável colaboração da exemplar torcida amarela, o clube já idenfiticou o autor (do ato racista) e decidiu retirar seu carnê de sócio, além de proibir seu acesso ao estádio El Madrigal pelo resto da vida.

Na derrota do Villarreal por 3 a 2 para o Barcelona em seu estádio, Dani Alves pegou a banana atirada pelo torcedor e a comeu, buscando ignorar o ato. Na nota publicada em seu site oficial, o submarino amarelo também falou em igualdade e repúdio ao ocorrido.

— O Villarreal volta a manifestar sua vocação pelo respeito, pela igualdade, pela desportividade e pelo jogo limpo, tanto dentro como fora do campo, e rechaça qualquer ato que vá contra esses princípios, como violência, discriminação, racismo e xenofobia.

Mais tarde, Neymar e muitas outras personalidades se solidarizaram com a situação. Eles aparecerem comendo bananas e citando que “tomos somos macacos”.