Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

STJD acata pedido e adia julgamento sobre duelo entre Sport e Vasco

Clube pernambucano havia solicitado nova data no início da semana; novos fatos foram anexados ao processo

Futebol|Do Live Futebol BR

Partida entre Sport e Vasco foi encerrada devido à confusões no gramado
Partida entre Sport e Vasco foi encerrada devido à confusões no gramado Partida entre Sport e Vasco foi encerrada devido à confusões no gramado

O julgamento do Sport por conta da invasão do gramado da Ilha do Retiro, no jogo contra o Vasco, receberá uma nova data. A decisão da auditora relatora da 4ª Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), Adriene Hassen, saiu na tarde desta quarta-feira (2), um dia antes da data inicialmente prevista.

No início da semana, o clube pernambucano chegou a protocolar um pedido de adiamento devido à última rodada da Série B, alegando que o resultado do julgamento poderia interferir na briga pelas últimas duas vagas no G-4. A informação foi publicada inicialmente pelo canal "Atenção Vascaínos!".

Às vésperas do caso, o Procurador Ronaldo Piacente também pediu adiamento alegando inclusão de novos fatos relevantes para o processo. O Vasco passou a ser alvo de denúncia dentro do artigo 257 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) por "participar de rixa, conflito ou tumulto durante uma partida". O goleiro Halls, reserva, foi enquadrado pro agressão. O Gigante da Colina pode ser multado e o atleta receber até seis jogos de suspensão.

Leia também

Conforme apurou a reportagem do R7, o sentimento da diretoria cruzmaltina com a decisão de uma nova data para o julgament é de revolta - havia grande expectativa interna por uma resolução do caso, que poderia acarretar na soma de pontos ao clube carioca na tabela de classificação.

Publicidade

Além de Vasco e Sport, Ituano e Bahia também entraram como interessados no processo devido às chances de acesso na última rodada. O Cruzmaltino encera o Galo de Itu, o Leão da Ilha encara o Vila Nova fora de casa, enquanto o Tricolor visita o CRB.

Relembre o caso

Publicidade

Na situação, o Sport abriu o placar com o gol de Labandeira, já na segunda etapa, e encostava no Vasco na tabela de classificação. Na reta final, Raniel empatou em cobrança de pênalti e comemorou na frente dos torcedores da casa.

Em meio à celebração, torcedores do Leão invadiram o gramado e uma bombeira civil foi agredida covardemente quanto já estava caída. Os jogadores do Vasco correram para os vestiários e o árbitro Raphael Claus, por entender que faltava segurança para continuar o duelo, deu como encerrado após 50 minutos de paralisação.

Tri da Libertadores faz Flamengo disparar como maior campeão no século; veja lista

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.