Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Presidente do São Paulo, Casares cobra CBF em relação a arbitragem: 'Medidas são necessárias'

Mandatário reforçou sua posição referente ao tema e afirmou que entrará em contato com a CBF 

Futebol|Do Live Futebol BR


Júlio Casares, presidente do São Paulo, criticou a arbitragem do jogo contra o Flamengo
Júlio Casares, presidente do São Paulo, criticou a arbitragem do jogo contra o Flamengo

O presidente do São Paulo, Júlio Casares, criticou a arbitragem após o jogo entre o Tricolor e o Flamengo pelo Brasileirão no último domingo (13). O mandatário reforçou a cobrança do clube referente às decisões dos árbitros.

Compartilhe esta notícia no Whatsapp

Compartilhe esta notícia no Telegram

A reclamação aconteceu justamente após o São Paulo ter um pênalti marcado contra no final do jogo. O lance gerou dúvidas em relação ao impedimento dos jogadores do Flamengo no início da jogada. Com a penalidade marcada, Pedro empatou o jogo para o Rubro-Negro.

Publicidade

“Sempre apoiei a profissionalização da arbitragem e acredito na seriedade do trabalho. No entanto, medidas são necessárias para que situações como a ocorrida na partida de ontem não se repitam, ainda mais em partidas e em competições de grande magnitude, como no nosso jogo com o Corinthians pela Copa do Brasil. Vamos manter contato com a CBF, além de protocolar nosso questionamento”, disse Casares.

Leia também

Além da reclamação do presidente, o São Paulo também enviará um ofício para a CBF pedindo explicações sobre as linhas utilizadas pelo VAR para definir se houve ou não impedimento.

Publicidade

O Tricolor vem reclamando há um certo tempo que está sofrendo com erros de arbitragem na temporada. O técnico Dorival Júnior, inclusive, falou sobre o tema na coletiva de imprensa.

“O pênalti não vou falar, porque infelizmente temos deixado muitos pontos ao longo da competição, e talvez nem seja o pênalti o fator principal, mas a condução, que para mim é o que vem acontecendo e prejudicando o que a equipe vem produzindo. Se não fosse assim, talvez nós poderíamos ter tido uns oito ou nove pontos a mais do que temos neste momento”, disse o treinador.

O próximo jogo da equipe será diante do Corinthians, pela semifinal da Copa do Brasil, na próxima quarta-feira (16). Precisando reverter o placar sofrido por 2 a 1 no jogo de ida, o Tricolor trabalha nos bastidores para que não tenha mais problemas com a arbitragem, visto que o jogo é tratado como um dos mais importantes do clube nos últimos anos.

Clubes brasileiros em pleno telão da Times Square, em Nova York, vira moda; entenda

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.