Portuguesa cancela eleição presidencial por falta de candidatos

Clube, que passa por grave crise financeira, comunicou o adiamento do pleito, inicialmente marcado para esta segunda-feira (18), no site oficial

Eleições na Lusa

Lusa passa pela maior crise financeira e esportiva de sua história

Lusa passa pela maior crise financeira e esportiva de sua história

Reprodução/Instagram @portuguesaoficial

A Portuguesa de Desportos cancelou as eleições que seriam realizadas nesta segunda-feira (18) por falta de candidatos. O clube emitiu um comunicado em seu site oficial. Ainda não há informações sobre uma nova data para o pleito. O presidente atual, Alexandre Barros, havia assumido a Lusa em dezembro de 2016 para um mandato de três anos.

"A Associação Portuguesa de Desportos comunica que as eleições programadas para dia 18/02, estão canceladas, por falta de candidatos", confirmou o texto publicado no site do clube.

O R7 procurou a assessoria de imprensa da Portuguesa para saber quais serão os próximos passos na política do clube, mas não obteve resposta.

Lusa em campo

Atualmente, a Portuguesa disputa a Série A2 do Campeonato Paulista. O time ocupa a 13ª posição na tabela, com cinco pontos. Em oito jogos disputados, o tradicional time rubro-verde paulistano ainda não venceu — foram cinco empates e três derrotas.

Na última rodada, a Lusa — que completará 100 anos, em 2020 — perdeu para a Inter de Limeira por 3 a 2, no Canindé. Antes, a equipe havia sido goleada pelo Juventus por 4 a 1, no estádio da Rua Javari, em São Paulo.

De pé-frio a vencedor, técnico Cuca coleciona títulos por rivais no Brasil: