Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Manchester City vence nos pênaltis e conquista o inédito título da Supercopa da UEFA

Após empate no tempo normal, ingleses se deram melhor e garantiram o caneco após zagueiro do Sevilla errar última cobrança

Futebol|Do R7, com informações do Lance!


Jogadores comemoraram título após disputa de pênaltis
Jogadores comemoraram título após disputa de pênaltis

Os campeões da Champions League e da Liga Europa da última temporada entraram em campo na tarde desta quarta-feira (16) pela decisão da Supercopa da Uefa.

Manchester City e Sevilla duelaram em 90 minutos e terminaram com o placar em 1 a 1, com gols de En-Nesyri e Palmer. Na disputa por pênaltis, os ingleses venceram por 5 a 4 e conquistaram o título inédito.

A partida

Favorito ao título, o Manchester City iniciou a partida pressionando o Sevilla intensamente. Aos 7 minutos, a primeira grande defesa de Bono. Em cruzamento após escanteio curto, Aké cabeceia para o gol, a bola quica no chão e exige uma defesaça do goleiro marroquino.

A pressão inglesa se manteve, mas foram os espanhóis que abriram o placar. Aos 24 minutos, a jogada começou justamente com Bono.

Publicidade

O goleiro afastou a bola para o meio-campo, Ocampos a recebeu e a passou para Acuña. O jogador cruzou na área para En-Nesyri, que, entre Gvardiol e Aké, subiu mais alto e cabeceou forte para o fundo da rede.

A primeira etapa terminou com pressão absoluta do City, com 74% da posse de bola contra 26%, além de nove finalizações contra quatro. Apesar das estatísticas, somente o Sevilla foi efetivo e marcou gol.

Publicidade

Diferente do primeiro tempo, o segundo iniciou com muita pressão do Sevilla. Nos primeiros 15 minutos, foram quatro chances de perigo, com duas defesas de Ederson e dois desarmes dos defensores na área.

Sem efetividade, o City cresceu na partida e encontrou o caminho do empate com Palmer. Rodri cruzou na segunda trave, e o meio-campista, na tentativa de cabecear para Haaland, viu a bola entrar no gol.

Publicidade

O Manchester City pressionou até o fim, mas não chegou ao segundo gol, enquanto o Sevilla preferiu se defender e buscar a decisão por pênaltis.

Gudelj acertou o travessão na cobrança decisiva
Gudelj acertou o travessão na cobrança decisiva

Nas penalidades, os jogadores de ambas as equipes demonstraram muita qualidade.

Foram nove cobranças dentro do gol e somente um erro. Na décima e decisiva batida antes das alternadas, o zagueiro Gudelj cobrou no travessão e entregou o título ao Manchester City.

Ficha técnica

Manchester City 1 (5) x 1 (4) Sevilla 

Data e horário: quarta-feira (16), às 16h (Brasília)

Local: estádio Georgios Karaiskakis, Grécia

Árbitro: François Letexier (FRA)

Manchester City: Ederson; Nathan Aké, Gvardiol, Akanji, Kyle Walker; Rodri, Kovacic, Jack Grealish, Phil Foden, Cole Palmer (Julián Alvarez); Erling Haaland

Técnico: Pep Guardiola

Sevilla: Bono; Marcos Acuña, Gudelj, Badé, Jesus Navas; Ivan Rakitic, Joan Jordan, Erik Lamela, Oliver Torres, Lucas Ocampos; En Nesyri

Técnico: José Luis Mendilibar

O que Neymar consegue comprar com o salário bilionário do Al-Hilal?

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.