Futebol Juiz convoca Jenni Hermoso para testemunhar contra Luis Rubiales

Juiz convoca Jenni Hermoso para testemunhar contra Luis Rubiales

Jogadora dará a sua versão dos fatos na próximo terça-feira, dia 28 de novembro

AFP
  • Futebol | por AFP

Jenni Hermoso vai testemunhar contra Rubiales

Jenni Hermoso vai testemunhar contra Rubiales

Reprodução Instagram @jennihermoso

A futebolista da seleção espanhola Jenni Hermoso foi convocada a depor, na próxima terça-feira (28), em Madrid, pelo juiz que investiga o ex-presidente da RFEF (Real Federação Espanhola de Futebol), Luis Rubiales, pelo beijo forçado dado na jogadora após a final do último Mundial Feminino.

O juiz Francisco de Jorge, responsável pela investigação aberta contra o ex-líder pelos alegados crimes de agressão e coação sexual, convocou Hermoso "na terça-feira da próxima semana, 28 de novembro", às 11h30. O pronunciamento "será realizado pessoalmente", conforme indicado pelo Tribunal Nacional em um breve comunicado.

Clique aqui e receba as notícias do R7 Esportes no seu Whatsapp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram
Assine a newsletter R7 em Ponto

A jogadora de futebol, que denunciou os acontecimentos à justiça no início de setembro, comparecera perante o magistrado no dia 20 de agosto, quando o então presidente da RFEF lhe deu o beijo forçado.

Durante a investigação, aberta após denúncia do Ministério Público, o juiz do Tribunal Nacional já aproveitou o depoimento de Rubiales em setembro passado como investigador.

O ex-líder da federação voltou a defender que se tratou de um beijo consensual, segundo fontes judiciais, mas o magistrado impôs como medida cautelar que ele não pudesse aproximar mais de 200 metros de Hermoso, nem contactá-la durante a investigação.

Durante estes meses, também apareceram sob investigação o ex-técnico Jorge Vilda, o diretor da seleção masculina, Albert Luque, e o diretor de Marketing da RFEF, em seus casos pela suposta pressão sobre Hermoso.

Da mesma forma, prestaram depoimentos inúmeras testemunhas, como as jogadoras de futebol Alexia Putellas e outros integrantes da equipe campeã, funcionários da RFEF ou familiares da atual jogadora do Pachuca.

O comportamento de Rubiales em campo no estádio de Sydney, capturado pelas câmeras, causou uma onda de indignação internacional e levou à sua suspensão pela Fifa.

Embora inicialmente tenha se recusado a fazê-lo, Rubiales acabou renunciando em 11 de setembro.

Depois de estar ausente da primeira convocação do novo treinador, Montse Tomé, Jenni Hermoso regressou a La Roja em outubro passado.

A futebolista de 33 anos está novamente convocada para os próximos jogos da Espanha, marcados para o dia 27 de novembro, nos arredores de Madrid.

La Roja enfrenta Itália e Suécia no início de dezembro em duas partidas da Liga das Nações, para conseguir a classificação para os Jogos Olímpicos de Paris.

Além de beijar campeã da Copa, dirigente teria roubado dinheiro para festa; conheça Luis Rubiales

Últimas