Futebol Família e prestígio no Palmeiras impedem Abel na Inglaterra

Família e prestígio no Palmeiras impedem Abel na Inglaterra

Verdão renovou com o português até 2024, com a mulher e os filhos já morando no Brasil; Brighton foi quem sondou o treinador

  • Futebol | Do Live Futebol BR

Leila Pereira e Abel Ferreira conversam durante treino Palmeiras nesta temporada

Leila Pereira e Abel Ferreira conversam durante treino Palmeiras nesta temporada

CESAR GRECO/PALMEIRAS (28.05.2022)

O Palmeiras neste momento lidera o Campeonato Brasileiro e está sob o comando de Abel Ferreira. O treinador chegou ao clube em 2020 e se tornou uma referência na instituição e para os palmeirenses. Além disso, sua família veio para o Brasil - condição para assinar uma renovação contratual e, devido a isso, também irá adiar seu sonho de ir para Inglaterra.

A equipe do Brighton Albion, que disputa a Premier League, consultou as condições do português, mas logo ouviu que ele não tinha interesse pelo cargo. Na última semana, os ingleses perderam seu técnico, Graham Potter, para o também inglês Chelsea.

Em 2022, Abel Ferreira já recusou abrir conversas para fechar com o Valencia e Granada (Espanha), Benfica (Portugal) e Lyon (França). Além de times da Arábia Saudita e Catar. De acordo com o que a reportagem apurou, ele não pensa em sair antes de 2024 - término do vínculo.

Atualmente, o Palmeiras tem 54 pontos na primeira colocação do nacional - oito à frente do vice-líder. Caso vença o Brasileirão, será seu sexto título em dois anos de clube, contando as nove finais no currículo e as cinco taças conquistadas (Recopa Sul-Americana (2022), Paulistão (2022), Libertadores (2021 e 2020) e uma Copa do Brasil (2020).

O português já revelou a amigos próximos que busca ir para a Europa assumir um clube com condições de brigar por taças.

O elenco palmeirense se reapresenta na Academia de Futebol nesta terça-feira (13), visando o clássico diante do Santos, no dia 18 de setembro, às 18h30 no Allianz Parque.

Palmeiras chega a 83,2% de chance de ser campeão: as contas do Brasileirão

Últimas