Futebol Entenda por que a final da Copinha entre Palmeiras X América-MG não será no Allianz Parque

Entenda por que a final da Copinha entre Palmeiras X América-MG não será no Allianz Parque

Canindé foi o estádio escolhido para sediar a decisão da competição de base, nesta quarta-feira (25)

Lance
Estádio da Portuguesa foi escolhido por conta de problemas logísticos no Allianz Parque

Estádio da Portuguesa foi escolhido por conta de problemas logísticos no Allianz Parque

Reprodução/Google Street View

A FPF (Federação Paulista de Futebol) definiu nesta segunda-feira que a final da Copinha deste ano acontecerá no estádio do Canindé. A decisão entre Palmeiras e América-MG estava marcada para ser realizada no Alllianz Parque, por conta do mando do Verdão, dono da melhor campanha. No entanto, não havia condições de a arena sediar o evento, e ele foi levado para a casa da Portuguesa.

Em coletiva de imprensa para o jogo, que acontece na quarta-feira (25), às 15h30, Mauro Silva, vice-presidente da FPF, comentou a impossibilidade de utilizar o Allianz Parque para a final.

"Conversamos com o Palmeiras para usar o Allianz, mas infelizmente, por uma questão de operação do estádio, não foi possível viabilizar a final lá", afirmou o dirigente da Federação.

A inviabilização do Allianz Parque para a decisão ocorre por conta da realização de dois shows do grupo Backstreet Boys, nos dias 27 e 28 de janeiro. Por conta da montagem do palco e da preparação da arena para a apresentação da banda, a promotora do evento não liberou o estádio.

Coletiva de imprensa sobre a final da Copinha aconteceu nesta segunda-feira (23)

Coletiva de imprensa sobre a final da Copinha aconteceu nesta segunda-feira (23)

Divulgação/Rodrigo Corsi/Ag. Paulistão

Como o Canindé estava "pronto" para receber a final caso ela tivesse qualquer outro mando que não fosse o do Palmeiras, a FPF logo definiu o estádio da Portuguesa como sede da decisão.

Palmeiras e América-MG têm 100% de aproveitamento na competição, com 8 jogos e 8 vitórias, mas o Verdão marcou 28 gols e sofreu 3, saldo de 25, enquanto o Coelho marcou 22 gols e sofreu 3, saldo de 19. Por isso, o time da capital paulista teria direito ao mando de campo.

De Djalminha a Antony: relembre dez campeões da Copinha que já foram para a seleção brasileira

Últimas