Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Corinthians tenta bater Botafogo para mostrar que pode mudar de patamar no Brasileirão

Partida pelo primeiro turno do campeonato pode ter os irmãos gêmeos Romero jogando um contra o outro na Neo Química Arena

Futebol|Do Estadão Conteúdo

Coronado comemora seu gol no jogo contra o Racing-URU, na última terça (28) (WILIAN OLIVEIRA/Estadão Conteúdo - 28.05.2024)

O Corinthians empolgou o torcedor com a bela atuação na vitória por 3 a 0 sobre o Racing-URU, resultado que garantiu a classificação às oitavas de final da Sul-Americana, mas ainda tem muito a provar. Agora, a missão é mostrar que consegue apresentar este bom futebol também contra os protagonistas do Brasileirão, caso do Botafogo, adversário deste sábado (1), em jogo marcado para as 21h, na Neo Química Arena.

A partida é válida pela sétima rodada e marca o retorno da competição nacional após a suspensão de mais de duas semanas em razão das chuvas que devastaram o Rio Grande do Sul. Os corintianos entraram no hiato ocupando o 16º lugar, primeira posição fora da zona de rebaixamento, com cinco pontos, e os botafoguenses pararam em quarto, com dez pontos.

Durante os quase 20 dias sem Campeonato Brasileiro, o Corinthians construiu uma série de três vitórias nos torneios que continuou disputando. Fez 2 a 1 no América de Natal, pela Copa do Brasil, e aniquilou seus rivais da Sul-Americana, com um triunfo por 4 a 0 sobre o Argentinos Juniors antes da vitória elástica sobre o Racing na última terça-feira.

A sequência anima, até porque veio acompanhada de bom futebol. O problema é que isso foi mostrado poucas vezes no Brasileirão. Até agora, o grande jogo da equipe do Parque São Jorge no campeonato foi o 3 a 0 sobre o Fluminense, que vivia um momento oscilante. Ao enfrentar protagonistas mais estáveis, como Flamengo e Red Bull Bragantino, sentiu dificuldades e perdeu.

Publicidade

De qualquer forma, a animação da torcida corintiana não é à toa, até porque António Oliveira parece ter encontrado uma formação muito mais produtiva para o setor ofensivo. O coração está na qualidade técnica dos meio-campistas Breno Bidon, Rodrigo Garro e Igor Coronado, que têm em Raniele um ponto de segurança.

Havia um dilema no fato de Garro e Coronado jogarem juntos, mas foi provado que é possível, ainda que tenham que se adaptar a um revezamento de posição, entre a ponta e o meio. “Com certeza podemos atuar juntos. Pelas características parecidas, em um jogo ou em outro, um terá que fazer o sacrifício de atuar na ponta. Em campo, nós estaremos juntos para ajudar o Corinthians”, disse Coronado depois da partida de terça.

Publicidade

Como a opção rendeu bons frutos contra o Racing, deve ser mantida no duelo deste sábado. A única mudança na equipe deve ser a entrada de Matheuzinho no lugar de Fagner, que sofreu lesão na parte posterior da coxa direita e não tem previsão de retorno.

Em evolução, o Corinthians vai enfrentar um Botafogo que teve seu momento ruim na temporada, mas se encontrou sob o comando do novo técnico, Artur Jorge. Com 13 jogos sob o comando botafoguense, o português perdeu três, empatou dois e venceu oito. Atualmente, vive uma série de cinco jogos sem derrota.

Publicidade

Houve certa frustração, contudo, frente ao empate sem gols com o Junior Barranquilla na última rodada da fase de grupos da Libertadores, na terça-feira (28), resultado que fez os botafoguenses terminarem em segundo lugar do grupo em vez de primeiro.

A partida do torneio continental foi jogada pelo time carioca com nove desfalques, mas três deles retornam para enfrentar o Corinthians. Savarino volta após ser poupado. Já Danilo Barbosa e Cuiabano, suspenso e não inscrito na Libertadores, respectivamente, estão disponíveis para a competição nacional. Os lesionados Rafael, Marçal, Jeffinho, Eduardo e Matheus Nascimento continuam de fora, e Pablo ainda está em transição.

O duelo deste sábado tem ainda um fator de curiosidade, pois pode provocar um embate entre os irmãos gêmeos Romero, embora nenhum deles seja titular absoluto. Ángel perdeu espaço no Corinthians, e Óscar está se firmando no time botafoguense, depois de cumprir um gancho por indisciplina.

FICHA TÉCNICA CORINTHIANS X BOTAFOGO

CORINTHIANS - Carlos Miguel; Matheuzinho, Félix Torres, Cacá e Hugo; Raniele, Breno Bidon e Rodrigo Garro; Igor Coronado, Yuri Alberto e Wesley. Técnico: António Oliveira.

BOTAFOGO - John; Damián Suárez, Bastos, Alexander Barboza e Cuiabano;Danilo Barbosa, Marlon Freitas e Óscar Romero (Tiquinho Soares); Luiz Henrique, Júnior Santos e Savarino. Técnico: Artur Jorge.

ÁRBITRO - Anderson Daronco (Fifa-RS).HORÁRIO - 21 horas.

LOCAL - Neo Química Arena, em São Paulo (SP).

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.