Futebol Com saída de Paulo Sousa, Landim acumula trocas em sua gestão

Com saída de Paulo Sousa, Landim acumula trocas em sua gestão

Demissão ainda não foi oficializada, mas presidente do Flamengo já decidiu pela saída do técnico e soma trocas no comando do clube

  • Futebol | Do Live Futebol BR

Paulo Sousa e Rodolfo Landim em apresentação do técnico português ao Flamengo

Paulo Sousa e Rodolfo Landim em apresentação do técnico português ao Flamengo

Alexandre Vidal / Flamengo (10.01.2022)

Depois de perder para o RB Bragantino por 1 a 0, o Flamengo deu sinal sobre a demissão do técnico Paulo Sousa. O treinador português participou normalmente da coletiva pós-jogo e explicou o mal desempenho do Mengão dentro de campo, porém em seguida foi anunciada a prévia de sua saída.

Na gestão do presidente Rodolfo Landim, esta é a quarta vez que houve uma troca de treinadores antes do mata-mata da Libertadores. Em todas as temporadas sob seu comando, ocorreram mudanças à frente do elenco do Mengão, antes de iniciar as oitavas de final do torneio continental.

Em 2019, Abel Braga começou a temporada, mas com uma classificação para as oitavas de final da Libertadores dramática, o treinador pediu demissão.

No ano seguinte foi a vez de Demènec Torrent assumir o Mengão. O treinador espanhol chegou para substituir Jorge Jesus,(que saiu devido à alta da Covid-19 no Brasil), e também conquistou a classificação, mas após goleadas no Brasileirão, caiu antes das oitavas da Libertadores.

Com a sua saída, deu espaço para Rogério Ceni liderar o elenco do Flamengo. Ceni, mesmo sendo desclassificado nas oitavas de final da Libertadores em 2020, continuou no cargo e conquistou o Campeonato Brasileiro no mesmo ano, Supercopa e Carioca de 2021. Ao terminar a fase de grupos, caiu antes de iniciar novamente a temporada na competição continental.

Renato Gaúcho substituiu Ceni e, mesmo fazendo uma boa campanha no comando Rubro-negro, foi vice-campeão da Libertadores, e em seguida, foi demitido do cargo.

Com a decisão de demitir Paulo Sousa antes do mata-mata, o técnico português deixa o clube da Gávea com a melhor campanha feita na gestão de Landim na competição. Inclusive, também é a melhor campanha na história do Flamengo nesta primeira fase da Libertadores da América.

Boxeador que perdeu a consciência durante luta morre na África do Sul

Últimas