Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Fernando Lázaro afirma que Corinthians busca marcar gols no início dos jogos

Timão venceu o Mirassol e se garantiu na próxima fase do Paulistão; dois últimos jogos provam ponto do treinador

Campeonato Paulista|

Corinthians venceu o Mirassol o se garantiu na fase de mata-mata do Paulistão
Corinthians venceu o Mirassol o se garantiu na fase de mata-mata do Paulistão Corinthians venceu o Mirassol o se garantiu na fase de mata-mata do Paulistão

O técnico Fernando Lázaro revelou que o Corinthians vem buscando marcar gols no início das partidas. Nos últimos dois jogos, o time conseguiu marcar antes dos 10 dez minutos. Neste domingo, o time superou o Mirassol, por 3 a 0, na Neo Química Arena abrindo o placar logo aos 9 minutos com Róger Guedes. No empate diante do Palmeiras por 2 a 2, na semana passada, o mesmo atacante abriu o placar aos 8 da etapa inicial.

"É uma coisa que a gente tem buscado (os gols no início). Nós já sofremos com isso. A gente tem falado muito sobre buscar se impor desde o primeiro minuto. Isso vem surgindo. Além dos gols, as oportunidades estão surgindo. Você cria um volume de chances. Isso é importante porque dá uma condição boa no jogo", afirmou o treinador.

Sobre a escalação nos próximos jogos, como no clássico diante do Santos, domingo, na Vila, o treinador também comentou as disputas no meio-campo, entre Giuliano e Du Queiroz e também entre Fausto Vera e Roni. Nos últimos dois jogos, Giuliano somou boas atuações.

"O time está se mostrando. As etapas não são definitivas. O Fausto teve uma intercorrência e o Roni teve a oportunidade e seguiu. O time se ajustou, mas vamos propiciar o máximo de minutos para o Fausto. Isso é importante para o crescimento. O time se repete, cria conexões, mas outras possibilidades são fundamentais", afirmou. "O papel defensivo que o Giuliano exerce vem dando um equilíbrio para a equipe. Isso surge com outros atletas também".

Publicidade

A escalação de atletas experientes não impede a entrada de atletas juniores, como zagueiro Caetano e o meia Pedrinho, um dos jogadores mais pedidos pela torcida. "Eu entendo a ansiedade. Temos 10 jogos em 35 dias. As oportunidades vão surgir. A gente tem avaliado bem, eles estão inseridos. Alguns estão entrando. Alguns tiveram fora no Sul-Americano, que também foi uma forma de crescimento e um passo a mais. As coisas vão acontecer naturalmente".

Daniel Alves completa um mês de prisão na Espanha; relembre o que já aconteceu com ele nesse período

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.