Campeonato Carioca Samuel brilha no fim e Nova Iguaçu bate o Volta Redonda no Carioca

Samuel brilha no fim e Nova Iguaçu bate o Volta Redonda no Carioca

Equipe da Baixada Fluminense abriu 2 a 0 no Raulino de Oliveira, levou empate do Voltaço, mas acabou vencendo por 3 a 2

Equipes fazem campanhas ruins e brigam contra o rebaixamento para a Série A2

Equipes fazem campanhas ruins e brigam contra o rebaixamento para a Série A2

Vitor Melo/Nova Iguaçu FC

Em partida válida pela nona rodada do Campeonato Carioca, Volta Redonda e Nova Iguaçu se enfrentaram em jogo emocionante neste domingo de Carnaval (27), no Estádio Raulino de Oliveira. Visitante, o Laranjão venceu por 3 a 2 com gols de Alemão (contra), Yan e Samuel. Lelê e Pedrinho marcaram para o Voltaço.

Com as duas equipes engajadas na luta contra o rebaixamento para a Série A2 do estadual, o jogo na cidade do aço tinha tudo para ser nervoso e estudado nos primeiros minutos, mas o roteiro foi escrito para fortes emoções. O gol que garantiu a vitória ao Nova Iguaçu saiu apenas aos 43 minutos do segundo tempo.

O jogo

Logo aos seis do primeiro tempo, após cobrança de escanteio pelo lado direito, o desvio na primeira trave acabou complicando o zagueiro Alemão, do Volta Redonda, que jogou contra o próprio patrimônio e abriu o placar a favor do Nova Iguaçu.

Na sequência, o Voltaço foi em busca da reação, mas acabou pecando nas finalizações. Primeiro com Pedrinho, na entrada da pequena área, que bateu para fora, e depois com Lelê, que ganhou a disputa no jogo aéreo e cabeceou por cima da meta defendida pelo goleiro Luis Henrique, e acertou a trave no fim da primeira etapa ao tentar encobrir o arqueiro do Laranjão.

No entanto, a volta para a segunda parte do jogo foi cruel para os donos da casa. Aos oito minutos, Rafinha fez linda jogada pelo lado esquerdo e cruzou rasteiro, encontrando Yan, que encheu o pé no canto superior direito de Vinícius Dias, ampliando o marcador para o Nova Iguaçu.

Um pouco antes da parada técnica (na casa dos 20 minutos), o Volta Redonda reagiu e diminuiu o placar. Após cruzamento pela direita, Lelê, depois de inúmeras tentativas, conseguiu balançar a rede adversária. O camisa nove do Voltaço cabeceou no canto direito e contou com um toque na trave antes de sair para comemorar.

As alterações promovidas por Neto Colucci ainda no intervalo surtiram efeito e os donos da casa empataram. Aos 27 minutos, em lance parecido, dessa vez com origem pelo lado esquerdo, Pedrinho subiu sozinho, cabeceou forte no canto esquerdo e a bola tocou na trave novamente antes de entrar: 2 a 2.

Quando a partida parecia caminhar para um empate emocionante, aos 43 minutos, Samuel recebeu de Dedé pelo lado direito e bateu forte na saída do goleiro Vinícius Dias, fazendo o gol que garantiu a vitória da equipe da Baixada Fluminense no domingo de Carnaval.

Com o resultado, o Volta Redonda fica na 11ª colocação do Campeonato Carioca, com cinco pontos, acima apenas do lanterna Boavista. Já o Nova Iguaçu foi para a nona colocação, com oito pontos, respirando na tabela de classificação na luta contra o rebaixamento.

Próximos jogos

O Volta Redonda volta a campo na próxima quarta-feira (02/3), às 19h, novamente no Raulino de Oliveira, para o clássico do Sul do Estado contra o Resende, em partida atrasada da quinta rodada. O Nova Iguaçu, por sua vez, recebe a Portuguesa-RJ no próximo sábado (05/3), às 11h, no Jânio de Moraes, na Baixada Fluminense.

FICHA TÉCNICA
Volta Redonda 2 x 3 Nova Iguaçu
Local: Estádio Raulino de Oliveira, Volta Redonda (RJ)
Data e hora: domingo (27/02), às 15h
Árbitro: Paulo Renato Moreira da Silva Coelho
Auxiliares: André Roberto Smith Silveira e Carlos Àquila Lima da Conceição

Gols: Lelê - 20'/2ºT e Pedrinho 27'/2ºT (Volta Redonda) /  Alemão (contra) 6'/1ºT, Yan 8'/2ºT e Samuel 43'/2ºT (Nova Iguaçu)
Cartões amarelos: Lelê (Volta Redonda) / Gilberto, Andrey, Gabriel Santana e Vandinho (Volta Redonda)

VOLTA REDONDA: Vinícius Dias; Júlio Amorim, Davison, Alemão e Luiz Paulo (Aílton); Pedro Thomaz (Bruno Gallo), Tinga (Hugo) e Caio Vitor (Romarinho); Pedrinho, Lelê e MV (Renato). Técnico: Neto Colucci.

NOVA IGUAÇU: Luis Henrique; Vinícius, Gabriel Pinheiro, Gilberto e Rafinha (Carlinhos); Abuda (Gabriel Santana), Vandinho, Andrey (Dedé) e Rodrigo Andrade (Juan); Yan e Samuel. Técnico: Carlos Vitor.

Últimas