Campeonato Carioca Resende vira e bate o Fluminense em jogo de arbitragem polêmica

Resende vira e bate o Fluminense em jogo de arbitragem polêmica

Apesar de time alternativo, sem principais jogadores, Tricolor jogou bem, teve um gol mal anulado e reclamou também de um pênalti

  • Campeonato Carioca | Felippe Scozzafave, do R7

Fluminense atuou com time bastante jovem, mas mesmo assim criou várias chances

Fluminense atuou com time bastante jovem, mas mesmo assim criou várias chances

João Carlos Gomes/MyPhoto Press/Folhapress 04.03.21

Mesmo com um time cheio de jogadores jovens, sem seus principais atletas, que ganharam um descanso após a bela campanha no Brasileirão, o Fluminense criou várias chances, mas pela falta de pontaria, um erro bizarro da zaga e uma arbitragem bastante polêmica, o Tricolor levou a virada e foi derrotado pelo Resende por 2 a 1, na noite desta quinta-feira (4), na estreia do Campeonato Carioca.

O torneio tem transmissão exclusiva da Record TV na televisão aberta para o Rio de Janeiro e outras 26 praças, com jogos sempre às terças-feiras, 21h30, e aos sábados, às 21h.

O resultado deixa o Fluminense zerado na classificação da Taça Guanabara. Já o rival, com a vitória, é um dos líderes. Pela 2ª rodada, os dois times voltam a atuar no próximo domingo (7). Enquanto o Flu recebe a Portuguesa, mais uma vez no Maracanã, o Resende encara o Botafogo no Nilton Santos.

Jogo começa com arbitragem polêmica
Apesar do time alternativo, com jogadores que poucas vezes jogaram juntos, o Fluminense rapidamente tomou conta das ações. E não abriu o placar em duas oportunidades graças à arbitragem.

Miguel claramente é tocado pelo goleiro Jefferson

Miguel claramente é tocado pelo goleiro Jefferson

Marcello Dias/DiaEsportivo/Folhapress 04.03.21

Primeiro, aos 8, Miguel recebeu lançamento e tentou driblar Jefferson. O goleiro do Resende claramente tocou no meia rival, mas o juiz não marcou nada. Aos 16, um lance ainda mais claro. Miguel bateu falta na área e Caio Vinícius cabeceou para o fundo das redes. O bandeirinha já corria para o meio do campo para confirmar o gol, mas parou e decidiu marcar o impedimento. Pelo replay, dá para ver que o jogador do Fluminense estava em posição legal.

O Tricolor seguiu bem, e foi acumulando chances. Aos 17, Miguel tentou chute cruzado e mandou para fora. Dez minutos mais tarde, Gabriel Teixeira bateu colocado, no ângulo, e Jefferson se esticou todo para defender.

Na sequência, quem quase marcou foi o Resende. Paulo Victor arriscou de longe, a bola desviou no zagueiro e obrigou Pedro Rangel a fazer ótima defesa.

Fluminense continua pressionando
O segundo tempo começou, e o panorama seguiu o mesmo. Tanto é que André acertou uma bomba no travessão. Por muito pouco não saiu o primeiro do Fluminense.

Aos 11, o Resende foi para o ataque e o experiente atacante Nunes acertou bela cabeçada, obrigando Pedro Rangel a fazer boa defesa. Aos 24, Jefferson Ruan, o Jeffinho, deu um belo drible em Frazan e bateu forte. A bola passou perto do gol.

Flu marca, mas leva empate
O gol do Fluminense saiu aos 33. Raí cruzou com estilo e Alexandre Jesus, em seu primeiro toque na bola, mandou para as redes.

Porém, a festa tricolor durou pouco. Cinco minutos mais tarde, a defesa se confundiu toda ao tentar afastar uma bola. E ela sobrou com Kaique, que mandou para o gol.

Virada no fim
E quando parecia que o empate seria o resultado final, o Resende marcou o gol da vitória aos 53 do segundo tempo. Jeffinho driblou Frazan e bateu forte, sem chances para Pedro Rangel.

RESENDE 2 X1 FLUMINENSE

Data/Hora: 04/03/2021, às 21h
Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha (RJ)
Assistentes: Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ) e Rafael Sepeda de Souza (RJ)
Cartões amarelos: Eduardo Grasson, João Felipe, Derli (RES), Daniel (FLU)
Gols: Alexandre Jesus (33'/2ºT) (0-1), Kaique (38'/2ºT) (1-1), Jefferson Ruan (52'/2ºT) (2-1)
RESENDE: Jefferson; Thiago Ryan, Grasson, Dão (Marcão - 35'/2ºT) e Alex Barros; Derli, Paulo Victor (Jonathan - 7'/2ºT), Guioto (Jefferson Ruan - 17'/2ºT) e Matheuzinho (Kaique - 35'/2ºT); Matheus Bastos (João Felipe - 17'/2ºT) e Nunes. Técnico: Sandro Sargentim.
FLUMINENSE: Pedro Rangel, Daniel Lima, Luan Freitas, Frazan e Raí; André (Wallace - 36'/2ºT), Caio Vinícius (Nascimento - 37'/2ºT), Gabriel Teixeira (Alexandre Jesus - 32'/2ºT) e Miguel (Kayky - 39'/1ºT); Samuel (Arthur - 32'/2ºT) e John Kennedy. Técnico: Aliton Ferraz.

Jucilei no Boavista: Medalhões disputarão os estaduais em 2021

Últimas