Campeonato Carioca Paulo Sousa: Tudo sobre o técnico português do Flamengo no Cariocão

Paulo Sousa: Tudo sobre o técnico português do Flamengo no Cariocão

Aos 51 anos, o ex-treinador da seleção polonesa arcou com os custos da multa rescisória para poder treinar o Fla

Paulo Sousa será o comandante do Flamengo no Cariocão 2022

Paulo Sousa será o comandante do Flamengo no Cariocão 2022

Alexandre Vidal / Flamengo (10/01/2021)

Paulo Sousa foi o escolhido pela diretoria do Flamengo para ser o treinador em 2022. Após as tentativas com Jorge Jesus e Carlos Carvalhal não darem certo, o clube carioca apostou em outro português. Aos 51 anos, o ex-treinador da seleção polonesa arcou com os custos da multa rescisória de 320 mil euros, cerca de R$ 2 milhões, na cotação atual, para poder treinar o Flamengo.

Paulo Sousa foi jogador de seleção

Como atleta, Paulo teve passagem por oito clubes, nas melhores competições europeias, e pela seleção portuguesa. Aos 19 anos, começou a carreira no Benfica, atuando como meio-campista. Por lá, jogou durante quatro anos e foi campeão nacional, da Primeira Liga, na temporada 1990-91 e da Taça de Portugal, no ano seguinte. Após divergências contratuais, trocou o time das Águias pelo Porto, gerando muita polêmica por se tratarem de rivais.

Com uma passagem rápida pelo Porto, Paulo Sousa foi contratado pela Juventus, clube em que foi mais vezes campeão e onde se destacou no cenário internacional. No futebol italiano, foi campeão da Champions League, Supercopa da Itália, Série A e Copa da Itália.

De Turim para Dortmund, Sousa seguiu colecionando títulos e se tornou bicampeão da Champions League, pelo Borussia, feito inédito na época. Dois anos depois, retornou à Itália para jogar pela Inter de Milão, clube rival da ex-equipe. Convivendo com lesões, passou a ter menos destaque no futebol europeu. Com passagens pelo Parma, Panathinaikos e Espanyol, encerrou sua carreira em 2002, após jogar a Copa do Mundo.

Flamengo é o seu maior clube como treinador?

Como técnico, começou a carreira em 2005 na seleção de base de Portugal, mas foi só em 2008 que começou no futebol profissional. Na Inglaterra, Sousa esteve à frente do Queens Park Rangers, Swansea City (País de Gales) e Leicester.

Em 2011, o treinador português comandou o Videoton, da Hungria, atual Fehérvár, e se consagrou campeão da Taça da Hungria e duas vezes da Supertaça da Hungria, tendo o seu melhor momento de carreira. Após esses feitos, Sousa foi para Israel encarar o desafio de comandar o Maccabi Tel Aviv, clube com que foi campeão nacional. Logo depois, foi contratado pelo Basel, da Suíça, e conquistou a Super Liga Suíça.

Parou de colecionar títulos. Teve passagens por Fiorentina, da Itália, Tianjin Quanjian, da China, e Bordeaux, da França. O último trabalho do português foi a seleção polonesa, do atacante Robert Lewandowski.

NÚMEROS COMO TREINADOR:

Partidas: 442
Vitórias: 205
Derrotas: 124
Empates: 113
Aproveitamento: 46,38%
Títulos: 5

Flamengo

O português está no Rio de Janeiro treinando o Rubro-Negro há mais de duas semanas e já tem data para estrear. O Flamengo vai enfrentar a Portuguesa-RJ, na próxima quarta-feira (26) às 21h35, em partida válida pelo Campeonato Carioca.

Em fevereiro, já tem a primeira disputa de taça sob seu comando. O Flamengo vai disputar a Supercopa do Brasil, com o Atlético-MG, jogo entre o bicampeão do torneio e o atual campeão brasileiro e da Copa do Brasil.

Record TV apresenta novidades para o Paulistão e Cariocão 2022

Últimas