Futebol Ancelotti descarta saída de Vini Jr. do Real e revela que pensou em tirar time de campo

Ancelotti descarta saída de Vini Jr. do Real e revela que pensou em tirar time de campo

'Acho que não deve sair, porque Vinícius ama o futebol e o Real Madrid acima de tudo', disse o treinador italiano

Agência Estado - Esportes
Resumindo a Notícia
  • Ancelotti, treinador do Real Madrid, descartou possível saída de Vini Jr. do clube.

  • Técnico citou amor do brasileiro pelo futebol e pelo time como razões para ficar na Espanha.

  • Treinador pensou em tirar o elenco de campo no domingo.

  • Atacante não treinou nesta terça-feira (23) por causa de dores num joelho.

Vini Jr. tem multa de R$ 5 bilhões para sair do clube espanhol

Vini Jr. tem multa de R$ 5 bilhões para sair do clube espanhol

REUTERS/Pablo Morano - 21.05.2023

O técnico Carlo Ancelotti descartou, nesta terça-feira (23), a saída de Vinícius Jr. do Real Madrid, na esteira da forte repercussão dos ataques racistas que o brasileiro sofreu no domingo. O treinador ainda revelou que considerou a possibilidade de tirar o Real de campo na partida em que o atacante foi alvo de ofensas por parte da torcida do Valencia, no estádio Mestalla.

"Falei com Vinícius para perguntar se queria continuar [em campo], e o árbitro pediu a ele que continuasse. O assunto acabou ali, mas é claro que é uma decisão pessoal que podemos tomar no momento. Posso ter a responsabilidade no futuro de tirar o jogador de campo e também de tirar todo o time de campo. Não seria minha responsabilidade, mas espero não ter de tomar essa drástica decisão, porque há um juiz em campo que tem esse tipo de responsabilidade", declarou o treinador.

Ancelotti voltou a defender o brasileiro e descartou qualquer possibilidade de saída do clube, apesar de declarações de Vini Jr. de que estaria incomodado no futebol espanhol devido aos casos recorrentes de racismo.


"Acho que não [deve sair], porque Vinícius ama o futebol e o Real Madrid acima de tudo. Acho que o pensamento dele não é esse no momento, porque o amor pelo Real Madrid é grande. Então ele quer fazer carreira e ter seu protagonismo neste time", disse o técnico.

"Vinícius é apaixonado pelo Real Madrid, gosta muito desse clube, está lutando por ele e sabe que o futuro dele tem de ser aqui. Depois, muitas coisas passam pela cabeça das pessoas, mas a ideia principal dele não é essa. O que ele sente é que quer trabalhar e jogar no Real Madrid."

O treinador do Real também criticou o VAR da partida de domingo, que pediu a expulsão do brasileiro, nos minutos finais do jogo, mas não a do atacante Hugo Duro, do Valencia.

· Compartilhe esta notícia no WhatsApp
· Compartilhe esta notícia no Telegram

O jogador deu um mata-leão no atleta do Real, que reagiu com um tapa no rosto do rival. "Manipular imagens é bastante grave. Vini Jr. foi atacado antes pelo goleiro e depois por Hugo Duro. Se alguém é atacado, tem de se defender. Foi o que se passou."

Dor num joelho

Ancelotti revelou que Vinícius Jr. não treinou nesta terça devido a dores num joelho. E disse não saber a gravidade do problema ou se o atacante virou dúvida para os últimos jogos do Real na temporada.

"Ele não treinou hoje porque sentiu uma dor num joelho, e estamos à espera para saber qual a punição dele [foi expulso no domingo]. Aí também podemos abrir outro debate. Queremos preparar a partida de amanhã [quarta] com toda a determinação e o entusiasmo possíveis", declarou Ancelotti, ao se referir ao jogo contra o Rayo Vallecano, em casa.

Perseguição! Racismo contra Vini Jr. chega a dez casos na Espanha; veja o que aconteceu em cada um

Últimas