Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Copa 2018
Publicidade

Campeã invicta, França fez 14 gols, finalizou 82 vezes e correu 707 km

Seleção europeia conquistou o bicampeonato da Copa do Mundo com seis vitórias e um empate nas sete partidas disputadas no Mundial

Copa 2018|Alexandre Garcia, do R7

França marcou em 46% das tentativas rumo ao gol
França marcou em 46% das tentativas rumo ao gol França marcou em 46% das tentativas rumo ao gol

A França conquistou o bicampeonato mundial neste domingo (15) após derrotar a Croácia na final da Copa do Mundo por 4 x 2 e confirmar o favoritismo. Com a vitória, a seleção francesa deixa a Rússia invicta, com seis vitórias e um empate.

Ao longo do torneio, a seleção francesa marcou 14 gols e sofreu apenas seis, sendo dois deles na final. No jogo em que mais balançou as redes, contra a Argentina, a equipe comandada por Didier Deschamps anotou quatro gols.

Os craques Mbappé e Griezmann fizeram quatro gols cada e ficaram empatados como os artilheiros da equipe francesa na trajetória até o bicampeonato. Pavard, Pogba, Varane e Umtiti balançaram as redes uma vez no Mundial.

Mbappé e Griezmann dividiram a artilharia da França na Copa
Mbappé e Griezmann dividiram a artilharia da França na Copa Mbappé e Griezmann dividiram a artilharia da França na Copa

Os Blues somaram ainda 82 finalizações ao longo da competição. Das tentativas, 30 foram feitas em direção ao gol. Significa dizer que quase uma de cada duas (46,6%) finalizações dos franceses feitas na direção certa resultaram em gol.

Publicidade

Impressiona ainda que todas as bolas francesas que seguiram rumo ao gol balançaram as redes nos duelos contra a Argentina e o Uruguai, válidos pelas oitavas e quartas de final, respectivamente.

Baixe o pôster da França, bicampeã da Copa do Mundo na Rússia

Publicidade

Nas sete partidas disputadas, os franceses trocaram 3.042 passes, sendo 83,1% (2.529) deles concluídos de maneira correta. Já em termos de desarmes, a equipe campeã roubou 303 bolas no torneio.

Quando o assunto é a distância percorrida até a conquista da taça, os atletas franceses que estiveram em campo correram 707 quilômetros ao longo das sete partidas que disputaram.

Publicidade
Kante recebeu cartão amarelo na final contra a Croácia
Kante recebeu cartão amarelo na final contra a Croácia Kante recebeu cartão amarelo na final contra a Croácia

Disciplina

Na questão disciplinar, a seleção francesa deixa a Rússia após ter cometido 93 faltas e sofrido 105, média de 15 em cada um dos sete jogos disputados.

A postura dos campeões fez com que eles fossem punidos nenhuma vez com cartões vermelhos. Já os cartões amarelos foram mostrados 12 vezes aos jogadores da França, média inferior a dois por jogo.

Relembre o caminho da França até o título da Copa

Veja a festa francesa em Paris com o título da Copa do Mundo:

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.