Técnico do PSG reconhece a força do Atalanta: 'Tem uma forma única de jogar'

O técnico Thomas Tuchel, do Paris Saint-Germain, reconheceu, nesta terça-feira, a força do Atalanta para o confronto, desta quarta-feira, pelas quartas de final da Liga dos Campeões, em Lisboa. O alemão destacou a "forma única" de atuar do time italiano.

"É uma equipe que ataca o tempo todo e sempre com sete jogadores. Ao mesmo tempo, sabe se defender e usa o ótimo preparo físico para pressionar o adversário o campo todo. Trata-se de um rival muito complicado para se enfrentar. Precisaremos de dedicação para conseguir a vitória", disse Tuchel, que conta com Mbappé.

"Ele está melhor e sua participação será muito importante para nós", disse o técnico, referindo-se ao atacante, recuperado de uma lesão no tornozelo. O comandante do time francês também revelou que poderá contar com Icardi, mas Verratti está fora do duelo.

Tuchel disse que o time ganhou muita confiança com a conquista da Copa da França e a Copa da Liga Francesa. "Foram testes muito difíceis. Assumiu um papel de favoritismo após quatro meses de paralisação. Isso deixou o grupo confiante para confrontos futuros no resto da temporada."

Sobre o fato de o Atlético de Madrid, possível rival em uma semifinal ter diagnosticado dois jogadores com covid-19 (o argentino Angel Correa e o croata Sime Vrsaljko), Tuchel demonstrou tranquilidade. "Não estamos assustados. Estamos sendo muito bem cuidados pelo departamento médico. Todos nós fomos testados negativamente e espero que assim permaneçamos para o bem da competição e para a nossa saúde."