Natan Schulte vence, mantém cinturão e volta a faturar US$ 1 milhão na PFL; bicampeã olímpica supera Larissa Pacheco

A segunda temporada da PFL (Professional Fighters League) chegou ao fim na última terça-feira (31), no Madison... The post Natan Schulte vence, mantém cinturão e volta a faturar US$ 1 milhão na PFL; bicampeã olímpica supera Larissa Pacheco appeared first on TATAME.

A segunda temporada da PFL (Professional Fighters League) chegou ao fim na última terça-feira (31), no Madison Square Garden, em Nova York (EUA) e seis novos milionários – e campeões de suas respectivas categorias – foram conhecidos após o desfecho das finais dos GPs das divisões que estiveram em disputa na organização no ano de 2019.

Na luta principal da edição, Kayla Harrison fez história ao se tornar a primeira mulher campeã peso-leve da PFL, faturando o grande prêmio de US$ 1 milhão. Diante de Larissa Pacheco, a judoca bicampeã olímpica teve uma atuação dominante nos cinco rounds de combate, vencendo a brasileira pela segunda vez no ano de 2019, sendo ainda melhor desta vez, neutralizando completamente a oponente e raramente se encontrando em perigo. Larissa, em alguns momentos, buscou a finalização, mas viu a americana ter o controle total do duelo e saiu derrotada por decisão unânime.

Natan Schulte vence e volta a faturar US$ 1 milhão

Campeão na primeira temporada da PFL, em 2018, Natan Schulte deu show em mais uma temporada e, na grande final do GP dos Leves, diante de Loik Radzhabov, saiu vencedor por decisão unânime, manteve o cinturão da categoria em sua posse e, assim como no ano retrasado, voltou a faturar mais uma quantia de US$ 1 milhão.

Ao longo dos cinco rounds de luta, o brasileiro se mostrou dominante. No primeiro round, aplicou um golpe de direita que balançou Radzhabov, seguida de uma queda e tentativas de finalização que o fizeram sair em vantagem. Nos assaltos seguintes, Natan manteve uma boa estratégia e passou a conectar chutes fortes nas pernas do adversário, o que foi determinante para desacelerar o ritmo de Loik e, assim, decretar o triunfo de Schulte.

Outros campeões são definidos

Além de Kayla Harrison e Natan Schulte, outros quatro lutadores sagraram-se campeões e, desta forma, levaram a pomposa quantia de US$ 1 milhão para casa. Na divisão dos meio-médios, Ray Cooper II teve uma atuação de destaque ao nocautear David Michaud no segundo assalto, assim como o peso-pesado Ali Isaev, que travou boa luta diante de Jared Rosholt e saiu vencedor por nocaute no quarto assalto.

Na divisão dos penas, Lance Palmer fez uma luta disputada contra Alex Gilpin, mas ao fim de cinco rounds, fez sua estratégia sobressair e conquistou o cinturão ao superar o oponente por decisão unânime. Na categoria meio-pesado, o argentino Emiliano Sordi precisou de apenas dois minutos para nocautear Jordan Johnson e, desta forma, ficar com o cinturão e o grande prêmio de US$ 1 milhão.

RESULTADOS COMPLETOS: 

PFL #10
Terça-feira, 31 de dezembro de 2019
Madison Square Garden, em Nova York (EUA)

Card principal
Kayla Harrison derrotou Larissa Pacheco por decisão unânime dos jurados
Ray Cooper III derrotou David Michaud por nocaute técnico no 2R
Ali Isaev derrotou Jared Rosholt por nocaute técnico no 4R
Natan Schulte derrotou Loik Radzhabov por decisão unânime dos jurados
Lance Palmer derrotou Alex Gilpin por decisão unânime dos jurados
Emiliano Sordi derrotou Jordan Johnson por nocaute técnico no 1R

Card preliminar
Brendan Loughnane derrotou David Alex Valente por decisão unânime dos jurados

The post Natan Schulte vence, mantém cinturão e volta a faturar US$ 1 milhão na PFL; bicampeã olímpica supera Larissa Pacheco appeared first on TATAME.