Seleção feminina de basquete faz teste antes do Pré-Olímpico

A seleção brasileira feminina de basquete faz nesta segunda-feira, às 14 horas (de Brasília), o último teste antes da estreia no Pré-Olímpico de Bourges, na França. A equipe do técnico José Neto entra em quadra diante da Sérvia, na Vizura Academy, em Belgrado.

A intenção da comissão técnica é testar o atual estágio da seleção em um jogo contra uma equipe europeia. Desde que José Neto assumiu como treinador, o time está com um rendimento excelente, mas só enfrentou países das Américas.

O Brasil conquistou o ouro no Pan de Lima, em agosto de 2019, encerrando um jejum de 28 anos. Depois foi bronze na Copa América de Porto Rico, em setembro, perdendo apenas para Estados Unidos e Canadá, e garantiu vaga com facilidade no Pré-Olímpico das Américas, ao bater Argentina e Colômbia e ser superado outra vez pelas norte-americanas.

"É um jogo muito válido, temos jogado pouco contra equipes europeias. É uma seleção muito forte, com muita capacidade e vai ser ótimo treinar contra meninas que têm muita experiência. Vamos entrar muito firme no jogo, estamos treinando com uma intensidade alta", afirmou a ala/armadora Tainá Paixão. "Queremos ganhar, mesmo sendo um amistoso, mas pensando também na preparação para brigar pela vaga em Tóquio", completou.

Trabalhando com o grupo há três dias, a ala/pivô Damiris acredita que o jogo é importante para dar ritmo ao time. Apesar de treinar desde 12 de janeiro, com um período no Rio e outro em Belgrado, na Sérvia, o Brasil vai realizar apenas o primeiro amistoso.

"É um jogo super importante para dar ritmo para o time. Podemos corrigir alguns erros, saber em qual nível estamos e chegar bem lá na França", afirmou Damiris, que só foi liberada pelo Busan, time da Coreia do Sul, na parte final da preparação. "O jogo será importante para me entrosar e ganhar ritmo."

O discurso das jogadoras está em sintonia com os de José Neto. "É uma seleção que foi bem no Europeu, vai brigar por vaga na Olimpíada, e joga de forma próxima de equipes como França e Austrália, que vamos enfrentar no Pré-Olímpico. É importante para sabermos como o nosso jogo se encaixa contra elas", afirmou o técnico.

Após o amistoso na Sérvia, o grupo da seleção embarca para Bourges. Além do Brasil, o Pré-Olímpico vai contar com França, Austrália e Porto Rico. São três vagas em disputa para o torneio feminino de basquete dos Jogos Olímpicos de Tóquio.

A estreia da seleção será na quinta diante de Porto Rico, às 14 horas. A vitória praticamente garante o Brasil em Tóquio. Depois, o time de José Neto enfrenta França e Austrália nos dias 8 (às 16h30) e 9 (às 10h).