São Paulo tenta espantar zebra Red Bull Bragantino e voltar a dormir na liderança

Há tempos que o torcedor do São Paulo não sente o gostinho de ver sua equipe na liderança do Campeonato Brasileiro. Evitar a zebra diante do Red Bull Bragantino, às 19h15, nesta quarta-feira, se faz necessário para o time superar o Internacional, mesmo que provisoriamente, no topo da tabela. Ganhando no Morumbi, os comandados de Fernando Diniz vão 'dormir' em primeiro, já que os gaúchos só jogam na quinta-feira.

Desde a longínqua segunda rodada do Brasileirão de 2019 que o São Paulo não lidera a competição. Na época, o time somava seis pontos após vitórias sobre Botafogo e Goiás. Agora, caso some o segundo triunfo seguido, chegará aos 19, dois a mais que o Internacional e um jogo a mais.

A torcida está empolgada com a possibilidade de escalação da dupla dinâmica Luciano e Brenner. Juntos, eles deram enorme colaboração para a virada na rodada anterior, diante do Fluminense, por 3 a 1, ambos marcando gols.

Brenner já havia saído da reserva para decidir o clássico contra o Corinthians, mas aguarda ansioso pela chance de titular. Como Pablo está machucado e fora de ação, ele tem tudo para iniciar diante do Bragantino.

Será uma revanche para o São Paulo. Há menos de dois meses, também no Morumbi, o Bragantino aprontou com triunfo por 3 a 2 pelo Estadual. Espantar uma nova zebra virou questão de honra.

Ninguém admite no Morumbi que aquele resultado frustrante se repita. A ordem é partir para cima, embalado pelo bom momento, e buscar a vitória.

Além de Pablo, Fernando Diniz terá outro desfalque entre os titulares. Igor Vinícius está suspenso pelo terceiro cartão amarelo, abrindo chance para o retorno de Juanfran.