Esportes Recuperados de covid-19 aliviam problema do Palmeiras para enfrentar Athletico-PR

Recuperados de covid-19 aliviam problema do Palmeiras para enfrentar Athletico-PR

Depois de passar um grande sufoco nos últimos dias com um surto de covid-19 no elenco, o Palmeiras contará com reforços para enfrentar o Athletico-PR, neste sábado, às 17h, no Allianz Parque, pelo Campeonato Brasileiro. Alguns dos atletas afastados já estão recuperados e reduzem os problemas que o técnico Abel Ferreira teve nas partidas anteriores.

As principais voltas são a do zagueiro Luan, do lateral-esquerdo Viña, do meia Gustavo Scarpa e do atacante Gabriel Veron. Todos retornaram aos treinos dias atrás, porém não foram levados para o jogo da Copa Libertadores na última quarta-feira diante do Delfín por causa de diferenças no protocolo de saúde entre as competições.

O Equador exige que os jogadores tenham testes negativos para a doença. Já no Brasileirão, o atleta pode apresentar exame positivo e jogar somente se estiver assintomático e com mais de dez dias de tempo de contaminação. Casos com sintomas exigem no mínimo duas semanas de afastamento preventivo.

Essa condição permite ao Palmeiras não passar pelo grande problema dos últimos jogos, quando chegou a ter mais de 20 desfalques entre casos de covid-19 e atletas afastados por lesão. Até mesmo no Equador o clube se viu na inédita situação de ter um banco de reservas formado exclusivamente por garotos das categorias de base pela falta de opções no time profissional.

A partida em casa contra o Athletico-PR servirá para ajudar o time a se recuperar da derrota para o Goiás, na última rodada. A equipe rubro-negra é quem vive agora um surto de covid-19. Dois goleiros estão com a doença e a terceira opção para a posição é quem tem atuado, Bento. Assim como o Palmeiras, o Athletico-PR disputa as oitavas de final da Libertadores e no meio de semana terá pela frente o River Plate, na Argentina.

Últimas