Silvio Lancellotti Chelsea, Sevilla, Barça e Juve já estão nas oitavas da "Champions"

Chelsea, Sevilla, Barça e Juve já estão nas oitavas da "Champions"

Resta decidir quais serão os campeões e, por isso, cabeças-de-chave. Os grupos de Lazio/Borussia e de PSG/United ainda estão imprevisíveis.

Euforia e Morata, a classificação da Juve, nos acréscimos

Euforia e Morata, a classificação da Juve, nos acréscimos

@ChampionsLeague

Aconteceu nesta terça-feira, dia 24 de Novembro, com as 8 partidas do Grupo E até o Grupo H, a primeira metade da quarta etapa da fase de chaves da Liga dos Campeões da Europa de 2020/2021. Invariavelmente acossada pela Covid-19, continua a ser uma competição atribulada, os jogos em estádios vazios ou de público escasso e mesmo assim submetido ao rigor do combate à contaminação. O Chelsea, o Sevilla, o Barcelona e a Juventus já garantiram os seus passaportes às oitavas de final. Resta conhecer os cabeças-de-chave. Nas 8 partidas da terça, houve 26 tentos, a média de 3,25. O geral da fase ostenta 56 pelejas e 182 gols, a média primorosa de 3,25. Ocorrerão mais quatro partidas nesta quarta-feira 25. Daí, as restantes 32 se distribuirão por outras duas rodadas, 1-2 e 8- 9 de Dezembro. Eis a síntese desta terça, dia 24.


GRUPO E

De frente, Giroud, o autor do tento do alívio do Chelsea

De frente, Giroud, o autor do tento do alívio do Chelsea

@ChampionsLeague

RENNES 1 X 2 CHELSEA
Roazhon Park, 29.778 lugares
Plateia: 0
Árbitro: Bjorn Kuijpers (Neerlândia)

Gols: Guirassy X Hudson-Odoi, Giroud

Uma investida fulminante em velocidade, um galope de quase meio-campo, obra espetacular de Hudson-Odoi, colocou o Chelsea com a vaga na mão aos 22’. O Rennes, porém, não desistiu e martelou até os 85, quando uma testada de Guirassy, impressionante, da linha da pequena área, no desfrute de um escanteio, propiciou esperanças aos hospedeiros, 1 X 1. Pena, para os gauleses, a bola que Gomis espalmou, já nos acréscimos, depois de um chute de Timo Werner, exatamente na testa do recém-entrado Olivier Giroud. Ficam para 2 de Dezembro tanto a decisão do primeiro lugar, no Grupo E, como quem sobreviverá na terceira colocação e na repescagem da Liga Europa.

De frente, Munir, o autor do tento do alívio do Sevilla

De frente, Munir, o autor do tento do alívio do Sevilla

@ChampionsLeague

KRASNODAR 1 X 2 SEVILLA
Krasnodar Stadium, 35.074 lugares
Plateia: 0
Árbitro: Marco Guida (Itália)

Gols: Wenderson X Rakitic, Munir

Quase um carbono do prélio entre o Rennes e o Chelsea. Rakitic abriu para os visitantes, logo aos 4’. Wenderson devolveu as esperanças aos hospedeiros aos 54’. Então, nos acréscimos dos acréscimos, aos 95’, quando o Krasnodar justificava o triunfo que não conseguia, Munir saboreou uma distração dos russos. A frustração de um lado e muita euforia do outro, os ibéricos agora na terceira temporada consecutiva na fase das oitavas de final da “Champions”.


Classificação:
CHELSEA (Inglaterra)

10pts – 3vit/1emp/0der – 9gp/1gc
SEVILLA (Espanha)
10pts – 3vit/1emp/0der – 6gp/3gc
KRASNODAR (Rússia)
1pts – 0vit/1emp/3der – 4gp/10gc
RENNES (França)
1pts – 0vit/1emp/3der – 2gp/7gc

Jogos do dia 2 de Dezembro:
KRASNODAR X RENNES
Krasnodar Stadium, 35.074 lugares
SEVILLA X CHELSEA
Ramón Sánchez-Pizjuán, 43.833 lugares
Jogos do dia 8 de Dezembro:
CHELSEA X KRASNODAR
Stamford Bridge, 40.834 lugares
RENNES X SEVILLA
Roazhon Park, 29.778 lugares


GRUPO F

Haaland, do Borussia Dortmund

Haaland, do Borussia Dortmund

@ChampionsLeague

BORUSSIA DORTMUND 3 X 0 CLUB BRUGGE
Westfalenstadion, 65.829 lugares
Plateia: 0
Árbitro: Ivan Kruzliak (Eslováquia)

Gols: Haaland/2, Sancho

Uma pugna tranquila para a “Muralha Amarela”, que tem no seu elenco um certo Erling Haaland, artilheiríssimo de sangue viking, nascido na Noruega. Aos 18’, numa bola que um não-oportunista desperdiçaria, dentro da pequena área, Haaland realizou, impressionante, o seu 16º gol em 13 presenças nesta temporada. Então, aos 44, na cobrança deliciosa de uma falta de Balanta em Bellingham, o ótimo Jadon Sancho, o melhor do combate, fez 2 X 0. Haaland ainda realizaria o seu segundo gol na pugna, aos 60, outra vez ao arrancar uma chance do nada. A “Muralha” decide a sua promoção e, talvez, o direito a ser cabeça-de-chave no sorteio das oitavas, contra a Lazio, dia 2 de Dezembro. O Brugge ainda acalenta bem ralas esperanças de obter uma vaga.

Immobile, da Lázio

Immobile, da Lázio

@ChampionsLeague

LAZIO 3 X 1 ZENIT
Stadio Olìmpico, Roma, 70.634 lugares
Plateia: 0
Árbitro: Michael Oliver (Inglaterra)

Gols: Immobile/2/1pen, Parolo X Dzyuba

Embora ainda atordoado pelo controvertido episódio dos seus exames de Covid-19, enfim saído de mais um isolamento forçado, bem depressa, aos 4’, Ciro Immobile provou que voltou à melhor forma e abriu o marcador com um lindo gol de virada logo depois de aproveitar o passe de Lucas Leiva, outro emaranhado na mesma complicação. Aos 22’, daí, a “Águia” dobrou graças a um tiro de Parolo, da entrada da área grande, aos 35 anos o seu primeiro gol numa LC. Azar da Lazio a falha da sua retaguarda que permitiu, aos 25’, que Dzyuba diminuísse ao capturar uma pelota que vagava nas imediações da marca de cal. Ganancioso, aos 55 Immobile converteu um penal que havia sofrido de Barrios. Foi o seu penal de número 37 com as cores da “Águia”, só um abaixo do recorde de 38, Beppe Signori, anotado mais de 25 anos atrás.

Classificação:
BORUSSIA DORTMUND (Alemanha)

9pts – 3vit/0emp/1der – 9gp/3gc
LAZIO (Itália)
8pts – 2vit/2emp/0der – 8gp/4gc
CLUB BRUGGE (Bélgica)
4pts – 1vit/1emp/2der – 3gp/8gc
ZENIT SAINT PETERSBURG (Rússia)
1pts – 0vit/1emp/3der – 3gp/8gc

Jogos do dia 2 de Dezembro:
BORUSSIA DORTMUND X LAZIO
Westfalenstadion, 65.829 lugares
CLUB BRUGGE X ZENIT
Jan Breydel Stadium, Bruges, 29.062 lugares
Jogos do dia 8 de Dezembro:
ZENIT X BORUSSIA DORTMUND
Krestovsky Stadium, São Petersburgo, 67.800 lugares
LAZIO X CLUB BRUGGE
Stadio Olimpico, Roma, 70.643 lugares


GRUPO G

Morata, de frente e à direita, o autor do tento do alívio da Juve

Morata, de frente e à direita, o autor do tento do alívio da Juve

@ChampionsLeague

JUVENTUS 2 X 1 FERENCVARÓS
Allianz Stadium, Turim, 41.507 lugares
Plateia: 0
Árbitro: Daniel Siebert (Alemanha
)
Gols: Cristiano Ronaldo, Morata X Uzumi

Fraquejou a “Senhora”, numa péssima etapa inicial, que inclusive favoreceu a vantagem dos magiares, aos 19’, a soma de duas falhas de dois zagueiros brasileiros, Alex Sandro e Danilo, para o desfrute de Uzumi, num desvio de bico de chuteira. Sorte da Juve que, aos 35’, depois de receber um passe de Cuadrado, o inesgotável Cristiano Ronaldo, numa investida horizontal à frente da meia-lua, se desvencilhou de dois rivais e bateu de canhota, bem no cantinho da meta do Ferencvarós. Na etapa derradeira, a pressão pela vitória se tornou sufocante, e estéril, até que, aos 92’, um cruzamento de Cuadrado encontrou Morata, afortunadamente em posição legítima, não impedido, e o espanhol aliviou, de cabeça. 2 X 1. A Juve qualificada às oitavas. O Ferencvarós briga pela terceira posição com o Dynamo. No caso de uma igualdade em pontos, valerá o confronto direto. No cotejo da Hungria, placar de 2 X 2.

Griezmann, entrou aos 65 e fez o seu gol nos acréscimos

Griezmann, entrou aos 65 e fez o seu gol nos acréscimos

@ChampionsLeague

DYNAMO KYIV 0 X 4 BARCELONA
NSC Olympiyskiy, Kiev, 70.050 lugares
Plateia: 0
Árbitro: Matej Jug (Eslovênia)
Gols: Dest, Braithwaite/2/1pen, Griezmann

O chamado vareio de bola. E o Barça praticamente com o seu time reserva. Basta examinar quem registrou os seus tentos, até os 3 X 0. O garoto Sergiño Dest, de 20 anos, é uma mistura de neerlandês com norte-americano, o autor do 1 X 0. Depois, apareceu o dinamarquês Braithwaite, mais experiente, de 29, mas um aquecedor de banco. Só o recém-contratado Griezmann, que subiu ao gramado aos 65’, pode ser considerado titular. Detalhe: todos os  gols do esquadrão “Blaugrana” nasceram depois do intervalo. Na rodada derradeira, dia 8, o duelo entre o Barça e a Juve pela liderança. Mas, no Camp Nou.

Classificação:
BARCELONA (Espanha)

12ts – 4vit/0emp/0der – 13gp/2gc
JUVENTUS (Itália)
9pts – 3vit/0emp/1der – 8gp/4gc
DYNAMO KYIV (Ucrânia)
1pts – 0vit/1emp/3der – 3gp/10gc
FERENCVARÓS (Hungria)
1pts – 0vit/1emp/3der – 5gp/13gc

Jogos do dia 2 de Dezembro:
JUVENTUS X DYNAMO KYIV
Allianz Stadium, Turim, 41.507 lugares
FERENCVARÓS X BARCELONA
Puskás Arena, Budapeste, 67.215 lugares
Jogos do dia 8 de Dezembro:
BARCELONA X JUVENTUS
Camp Nou, 99.354 lugares
DYNAMO KYIV X FERENCVARÓS
NSC Olympiyskiy, Kiev, 70.050 lugares


GRUPO H

Neymar, o autor do tento do alívio do PSG

Neymar, o autor do tento do alívio do PSG

@ChampionsLeague

PSG 1 X 0 RB LEIPZIG
Parc des Princes, Paris, 47.929 lugares
Plateia: 0
Árbitro: Danny Makkelie (Neerlândia)

Gols: Neymar/pen

Um penal duvidosíssimo, mero esbarrão de Sabitzer em DiMaria, concedeu a Neymar a possibilidade de colocar o PSG em vantagem aos 11’. Os tedescos, contudo, não se entregaram. Aliás, muito superiores em todo o prélio, mereciam, no mínimo, abiscoitar uma igualdade. Grupo emboladíssimo, de todo modo, desfecho imprevisível. Até os turcos mantém sua chance.

Bruno Fernandes, dois dos quatro gols do United

Bruno Fernandes, dois dos quatro gols do United

@ChampionsLeague

MANCHESTER UNITED 4 X 1 ISTAMBUL BASAKSEHIR
Old Trafford, 74.140 lugares
Plateia: 545
Árbitro: Ovidiu Hategan (Romênia)

Gols: Bruno Fernandes/2, Rashford/pen, Daniel James X Deniz Turuç

Um desafio absolutamente unilateral, que ofereceu ao volante lusitano Bruno Fernandes a possbilidade da sua primeira dobradinha, dois gols, aos 7 e aos 19’, com a camisa dos “Red Devils” de Sua Majestade. Rashford cravou os 3 X 0, aos 35, penal que ele mesmo sofreu, atropelado por Bolingoli. Os otomanos, exclusivamente na vibração, ainda diminuíram, aos 75’, num lance de Deniz Turuç. Depressa, porém, o United re-ampliou com Daniel James.

Classificação:
MANCHESTER UNITED (Inglaterra)

9pts – 3vit/0emp/1der – 12gp/4gc
PARIS SAINT-GERMAIN (França)
6pts – 2vit/0emp/2der – 5gp/4gc
RB LEIPZIG (Alemanha)
6pts – 2vit/0emp/2der – 4gc/7gc
ISTAMBUL BASAKSEHIR (Turquia)
3pts – 1vit/0emp/3der – 3gp/9gc

Jogos do dia 2 de Dezembro:
ISTAMBUL BASAKSEHIR X RB LEIPZIG
Fatih Terim Stadyumu, Istambul, 17.156 lugares
MANCHESTER UNITED X PSG
Old Trafford, 74.140 lugares
Jogos do dia 8 de Dezembro:
PSG X ISTAMBUL BASAKSEHIR
Parc des Princes, Paris, 47.929 lugares
RB LEIPZIG X MANCHESTER UNITED
Red Bull Arena, 42.959 lugares

As partidas da quarta, 25 de Novembro:


GRUPO A

Bayern

Bayern

Reprodução

BAYERN X RB SALZBURG
Allianz Arena, Munique, 70.000 lugares
Árbitro: Orel Grinfeld (Israel)

ATLÉTICO DE MADRID X LOKOMOTIV
Wanda Metropolitano, 68.456 lugares
Árbitro: Slavko Vincik (Eslovênia)

Classificação:
BAYERN MUENCHEN (Alemanha)

9pts – 3vit/0emp/0der – 12gp/3gc
ATLÉTICO DE MADRID (Espanha)
4ts – 1vit/1emp/1der – 4gp/7gc
LOKOMOTIV MOSCOU (Rússia)
2pts – 0vit/2emp/1der – 4gp/5gc
RB SALZBURG (Áustria)
1pts – 0vit/1emp/2der – 6gp/11gc

Jogos do dia 1 de Dezembro:
LOKOMOTIV X RB SALZBURG
RZD Arena, Moscou, 27.084 lugares
ATLÉTICO DE MADRID X BAYERN
Wanda Metropolitano, 68.456 lugares
Jogos do dia 9 de Dezembro:
BAYERN X LOKOMOTIV
Allianz Arena, Munique, 70.000 lugares
RB SALSBURG X ATLÉTICO DE MADRID
EM-Stadion, Wals-Siezenheim, 31.895 lugares


GRUPO B

Borussia Moenchengladbach

Borussia Moenchengladbach

Reprodução

BORUSSIA M’GLADBACH X SHAKHTAR DONETSK
Borussia-Park, Moenchengladbach, 46.249 lugares
Árbitro: Cuneyt Çakir (Turquia)

INTERNAZIONALE X REAL MADRID
Giuseppe Meazza, Milão, 78.275 lugares
Árbitro: Anthony Taylor (Inglaterra)

Classificação:
BORUSSIA MOENCHENGLADBACH (Alemanha)

5pts – 1vit/2emp/0der – 10gp/4gc
SHAKHTAR DONETSK (Ucrânia)
4pts – 1vit/1mp/1der – 3gp/8gc
REAL MADRID (Espanha)
4pts – 1vit/1emp/1der – 7gp/7gc
INTERNAZIONALE (Itália)
2pts – 0vit/2emp/1der – 4gp/5gc

Jogos do dia 1 de Dezembro:
SHAKHTAR DONETSK X REAL MADRID
NSC Olympiyskiy, Kiev, 70.050 lugares
BORUSSIA M’GLADBACH X INTERNAZIONALE
Borussia-Park, Moenchengladbach, 46.249 lugares
Jogos do dia 9 de Dezembro:
REAL MADRID X BORUSSIA M’GLADBACH
Alfredo di Stefano, 6.000 lugares
INTERNAZIONALE X SHAKHTAR DONETSK
Giuseppe Meazza, Milão, 78.275 lugares


GRUPO C

Manchester City

Manchester City

Reprodução

OLYMPÍACOS X MANCHESTER CITY
Georgios Karaiskakis, 32.115 lugares
Plateia:
Árbitro: Davide Massa (Itália)

Gols:

MARSEILLE X PORTO
Stade Vélodrome, 67.894 lugares
Plateia:
Árbitro: Andreas Ekberg (Suécia)

Gols:

Classificação:
MANCHESTER CITY (Inglaterra)

9pts – 3vit/0emp/0der – 9pg/1gc
PORTO (Portugal)
6pts – 2vit/0emp/1der – 6gp/3gc
OLYMPÍACOS (Grécia)
3pts – 1vit/0emp/2der – 1gp/5gc
MARSEILLE (França)
0pts = 0vit/0emp/3der – 0gp/7gc

Jogos do dia 1 de Dezembro:
MARSEILLE X OLYMPÍACOS
Stade Vélodrome, 67.894 lugares
PORTO X MANCHESTER CITY
Estádio do Dragão, 50.033 lugares
Jogos do dia 9 de Dezembro:
MANCHESTER CITY X MARSEILLE
Etihad Stadium, 53.000 lugares
OLYMPÍACOS X PORTO
Georgios Karaiskakis, 32.115 lugares


GRUPO D

Liverpool

Liverpool

Reprodução

LIVERPOOL X ATALANTA
Anfield Road, 53.394 lugares
Plateia:
Árbitro: Carlos del Cerro Grande (Espanha)

Gols:

AJAX X MIDTJYLLAND
Johan Cruijff Arena, Amsterdam, 55.500 lugares
Plateia:
Árbitro: Sergei Karasev (Rússia)

Gols:

Classificação:
LIVERPOOL (Inglaterra)

9pts – 3vit/0emp/0der – 8gp/0gc
AJAX (NEERLÂNDIA)
4pts – 1vit/1emp/1der – 4gp/4gc
ATALANTA (Itália)
4pts – 1vit/1emp/1der – 6gp/7gc
MIDTJYLLAND (Dinamarca)
0pts – 0vit/0emp/3der – 1gp/8gc

Jogos do dia 1 de Dezembro:
LIVERPOOL X AJAX
Anfield Road, 53.394 lugares
ATALANTA X MIDTJYLLAND
Atleti Azzurri d’Italia, 21.300 lugares
Jogos do dia 9 de Dezembro:
AJAX X ATALANTA
Johan Cruijff Arena, Amsterdam, 55.500 lugares
MIDTJYLLAND 1 X 2 LIVERPOOL
MCH Arena, Herning, 11.432 lugares

As oito chaves da Liga dos Campeões

As oito chaves da Liga dos Campeões

UEFA

A etapa de chaves qualificará o seu líder e o seu vice às oitavas de final. E os terceiros colocados se consolarão na repescagem da Liga Europa. Daí, no dia 14 de Dezembro um sorteio definirá os emparceiramentos das oitavas, por enquanto marcados para 16-17 e 23-24 de Fevereiro, nos jogos de ida, e 9-10 e 16-17 de Março de 2021 nos jogos de volta. Um novo bingo, em 19 de Março, determinará os cotejos das quartas, sempre em ida e volta, 6-7 e 13-14 de Abril, e das duas semis, 27-28 de Abril e 4-5 de Maio. A UEFA programou sua final para o 29 de Maio de 2021, no Ataturk Olympic de Istambul, Turquia.

O Ataturk Olympic de Istambul, na Turquia

O Ataturk Olympic de Istambul, na Turquia

UEFA

Agora na sua 66ª edição, a 29ª desde que mudou o nome, na temporada de 1992/93, e deixou de ser a antiga Copa dos Campeões, esta Liga, ou a “Champions League”, se inaugurou no dia 8 de Agosto com 79 equipes de 54 das suas 55 federações afiliadas. Uma única, curiosa exceção: Liechtenstein, cujos times participam de campeonatos da Suíça. Antes da atual fase de chaves, ocorreram 51 mata-matas de eliminação, nos quais se registraram 142 tentos, a média de 2,78. E acumuladas, até aqui, já transcorreram 107 pelejas com a marcação de 324 tentos e com a média bastante boa de 3,03.


Gostou? Clique num dos ícones para “Compartilhar”, ou “Twittar”, ou deixe a sua opinião sobre este meu texto no meu “FaceBook”. Caso saia de casa, use máscara. E fique com o meu abração virtual! Obrigadíssimo!

Últimas