Cosme Rímoli Yony González. O jogador que o Corinthians foi obrigado a comprar

Yony González. O jogador que o Corinthians foi obrigado a comprar

Como blog havia informado uma semana antes da negociação ser fechada. Benfica só compraria Pedrinho se Corinthians levasse colombiano. Levou

  • Cosme Rímoli | Do R7

Corinthians confirma notícia do blog. Compra do indesejado Yony é obrigatória

Corinthians confirma notícia do blog. Compra do indesejado Yony é obrigatória

Reprodução Twitter

São Paulo, Brasil

Desde 4 de fevereiro, uma semana antes de ser anunciada a contratação do meia-atacante Yony González, o blog avisou.

A compra do atleta que nunca esteve na lista de desejos de Tiago Nunes foi obrigatória.

Ou o Corinthians aceitava 'pagar' 3 milhões de euros, atuais R$ 18,7 milhões, ao Benfica, ou o clube português não ficaria com o meia Pedrinho.

Como o clube vive há anos uma crônica situação financeira assustadora, por conta do Itaquerão, Andrés Sanchez aceitou.

Ele sonhava que Pedrinho trouxesse ao clube 25 milhões de euros, cerca de R$ 156 milhões. E o clube anunciou que a transação ficou por 20 milhões de euros, R$ 125 milhões.

Só que não descontou os 3 milhões de euros por Yony González. 

Na verdade, a ida de Pedrinho foi por R$ 106 milhões, mais o meia-atacante colombiano.

Conselheiros corintianos ligaram ao blog confirmando a informação.

A diretoria tentou desviar o assunto, disse que não os interesses eram opostos. Não passavam de 'coincidência'.

Mas desde que chegou ao Parque São Jorge, o jogador não se firmou. Não tem a explosão física que Tiago Nunes deseja. Muito menos a velocidade.

Veja mais: Neymar tem mais 15 dias de Brasil, já que PSG deve voltar em um mês

Tanto que não se firmou como titular. Só atuou em quatro jogos. E não acrescentou nada ao time.

Seu empresário Gianluca de Franco falou há dois dias na Colômbia sobre a possibilidade de González voltar ao Benfica.

Andrés sonhava com 25 milhões por Pedrinho. Ficou com 17 milhões

Andrés sonhava com 25 milhões por Pedrinho. Ficou com 17 milhões

Reprodução Twitter

Mas ontem mesmo o diretor corintiano Duílio Monteiro Alves descartou essa possibilidade.

E, em uma outra 'coincidência', afirmou que o Corinthians tem a obrigação de finalizar a compra de Yony  González.

Veja mais: Condenação por 'cambismo'. O fim político de Mustafá no Palmeiras

Exatamente como o blog afirmou antes sequer de o jogador ser anunciado.

Foi uma transação desesperada.

Pela pressa de o clube ter o dinheiro.

Pedrinho não jogará mais no Corinthians. Planeja viagem a Portugal

Pedrinho não jogará mais no Corinthians. Planeja viagem a Portugal

Benfica

Resumo.

O Corinthians conseguiu oito milhões a menos, R$ 50 milhões, do que esperava por Pedrinho.

E contratou um jogador que não desejava.

Pura necessidade.

Pagar o Itaquerão trava as finanças corintianas...

Curta a página do R7 Esportes no Facebook

Fla na liderança! Veja clubes que mais lucraram com venda de atletas

Últimas