Triste e insatisfeito. Botafogo aceita voltar a jogar o Carioca

STJD confirmou que Botafogo e Fluminense devem jogar no domingo. Mesmo com a pandemia no auge. Partida do Vasco, mudada pela terceira vez

Botafogo já cedeu. E aceita jogar domingo. Com apenas sete dias de treino

Botafogo já cedeu. E aceita jogar domingo. Com apenas sete dias de treino

Reprodução Twitter

São Paulo, Brasil

Na caótica briga pelo retorno do futebol no Brasil, em plena pandemia, a confusão pode acabar.

O STJD não marcou os jogos de Fluminense e Botafogo para julho, como desejavam. Por acreditar que começaria a curva decrescente do coronavírus.

Mas para o próximo final de semana.

A Ferj colocou os clubes 'rebeldes' para jogarem no domingo, dia 28.

O Botafogo, às 11 horas, contra a Cabofriense.

E o Fluminense, às, 19 horas, contra o Volta Redonda.

As equipes voltaram a treinar apenas no sábado passado.

Ou seja, entrarão em campo, depois de três meses sem jogar, com apenas sete dias de treinamento.

E não 15 como desejavam.

A situação desagrada a ambos.

Mas eles se mostram dispostos a ceder.

A decisão foi do Superior Tribunal de Justiça do Rio.

Foi o resultado de quatro dias de audiência.

O presidente do Fluminense, Mario Bittencourt, saiu derrotado do STJD

O presidente do Fluminense, Mario Bittencourt, saiu derrotado do STJD

Fluminense

Os dirigentes botafoguenses e fluminenses estão esgotados, cansados de brigar.

Tudo indica que irão aceitar.

A começar pelo Botafogo.

O membro do Comitê Executivo e ex-presidente, Carlos Augusto Montenegro, que tem sido o 'porta-voz' do clube, se posicionou.

"Estamos tristes e insatisfeitos, mas não vamos recorrer. O parecer e o diagnóstico do médico da USP, dentro da ciência, não valeu muito coisa. Estamos dentro de uma corrida maluca estúpida. Estamos doidos para sair dela."

A diretoria do Fluminense perdeu o parceiro de guerra.

E dá indícios que também vai aceitar.

Mas o presidente Mario Bittencourt ainda não se pronunciou.

A partida entre Vasco e Macaé foi mudada pela terceira vez.

Seria no domingo, passou para amanhã, dia 24. 

E será no domingo, dia 28.

O Flamengo entrará em campo, outra vez, no dia 1º de julho, contra o Boavista.

Aos trancos e barrancos, a situação parece se acomodar.

E o Carioca retomará sua reta final.

Em pleno auge da pandemia...

Deyverson não ficará no Getafe, mas deseja seguir vida boa na Europa