Palmeiras vai até o Equador pelo espanhol Miguel Ángel Ramírez

Tudo ou nada. Galiotte quer espanhol Miguel Ángel Ramírez como treinador. Ele terá de largar o Independiente del Valle. Definição será nesta semana

Miguel Ángel Ramírez tem apenas 35 anos. E negocia com o Palmeiras

Miguel Ángel Ramírez tem apenas 35 anos. E negocia com o Palmeiras

Reprodução/Twitter

São Paulo, Brasil

Pressionado por membros da diretoria, do Conselho Deliberativo, pelas organizadas, Mauricio Galiotte resolveu ir para o 'tudo ou nada', em relação a Miguel Ángel Ramírez.

O espanhol deixou para trás os defensores do argentino Gabriel Heinze no Palmeiras.

E Galiotte resolveu que o também criticado diretor de futebol, Anderson Barros, tem de definir a busca do espanhol, viajando até o Equador.

O presidente quer o Palmeiras assumindo publicamente que deseja tirar o treinador do Independiente del Valle.

Para convencê-lo a largar um projeto vitorioso para assumir um clube com falta de rumo, filosofia de jogo. Heranças de Vanderlei Luxemburgo.

Galiotte oferecerá contrato até o final de seu mandato, dezembro de 2021. Com a possibilidade de renovação por mais um ano, depedendo do novo presidente eleito.

As conversas já estavam acontecendo entre Palmeiras e Ramírez há dias.

O técnico, por uma questão de respeito, quer a presença de um dirigente palmeirense no Equador. Para assumir a decisão de o Palmeiras contratá-lo.

E Anderson tem essa responsabilidade.

Galiotte exige a definição ainda no início da semana...

Curta a página do R7 Esportes no Facebook.

Palmeiras fatura mais de R$ 250 mi com venda de jogadores desde 2019