Cosme Rímoli Pai de Neymar acusa chuteiras Nike por lesões. Pronto para a guerra

Pai de Neymar acusa chuteiras Nike por lesões. Pronto para a guerra

Pai do jogador revela que as chuteiras da empresa foram as responsáveis por lesões do filho. E que por falta de pagamento da Nike, foi Neymar quem rompeu o contrato. E que não houve assédio sexual de Neymar

  • Cosme Rímoli | Do R7

Neymar sofreu fratura, duas vezes, no quinto metatarso. As chuteiras eram Nike

Neymar sofreu fratura, duas vezes, no quinto metatarso. As chuteiras eram Nike

Reprodução/Instagram

São Paulo, Brasil

“Como pode sair uma notícia dessa? Neymar nem conhece essa moça. Claro que isso partiu da Nike após nossa saída.

"Todos saem da Nike e são acusados assim.

"Aconteceu com o Cristiano Ronaldo, Kobe Bryant… se a Nike quer chantagem, vamos para cima da Nike."

A declaração, feita com muita raiva, por Neymar da Silva Santos, o pai do jogador mais caro do mundo, ao saber que o jornal The Wall Street Journal revelou o que seria o motivo secreto do rompimento de 15 anos do seu filho com a Nike, em 2020.

Um suposto assédio sexual a uma funcionária da empresa em 2016.

Mas o pai de Neymar estava errado.

O próprio jornal WSJ deixa claro que a empresa só rompe os contratos, com atletas mundialmente conhecidos, em último caso. Quando cometem atos que condena.

Como fez com Robinho, condenado por estupro na Itália, em 2013.

O ciclista Lance Armstrong, em 2012, que confessou ganhar campeonatos dopado.

O corredor paraolímpico, Oscar Pistorius, por assassinato da namorada, em 2013.

O pugilista Manny Pacquiao, que fez uma fortíssima declaração homofóbica, em 2016. "Os gays são piores que animais."

Em compensação, a empresa perdoou Cristiano Ronaldo, acusado de estupro em 2018. 

O falecido jogador de basquete Kobe Bryant, acusado de estupro em 2003.

E o golfista Tiger Woods, por confessar inúmeras traições no casamento.

Mas se o pai de Neymar errou nos atletas que citou, ele continua prometendo que vai enfrentar a Nike. Deixa claro que judicialmente.

Cristiano Ronaldo foi acusado de estupro. Mas a Nike resolveu seguir com o português

Cristiano Ronaldo foi acusado de estupro. Mas a Nike resolveu seguir com o português

Divulgação/Nike

E ainda fez acusações gravíssimas sobre as chuteiras que Neymar tinha de usar, por contrato.

Que teriam provocado lesões no atacante mais caro do mundo.

Ele falou para a Placar.

"Se você ficar sem receber você continua na sua empresa, meu amigo? É simples assim. Quando a Nike não honrou os pagamentos que estavam em atraso alegando um monte de situação a gente rompeu. Simples assim.

“Primeiro foi porque o Neymar não quis mudar de produto, de chuteira. Eles queriam um modelo de chuteira que ele utilizasse e ele não queria mudar, sair da chuteira que era de costume, a Mercurial.

"E ele resolveu não aceitar e depois não fizeram o pagamento, envolveram um monte de situações. Com os pagamentos atrasaram, entrou pandemia, eles não queriam honrar com aquilo e a gente não queria mais ...

“A chuteira já estava provocando várias situações para ele, principalmente de lesão, porque era uma chuteira que não tinha estabilidade. Era isso, um monte de situações que estamos colocando agora. E, se a Nike vier para cima, nós vamos para cima dela."

Neymar teve duas fraturas no quinto metatarso.

Em 2018 e em 2019.

Ou seja, de acordo com ele, seria Neymar que rompeu com a empresa.

A situação está longe de ser resolvida...

Sextou? Atletas desrespeitam isolamento social e vão para festas

Últimas