Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Cosme Rímoli - Blogs
Publicidade

'Organizadas são o câncer no futebol. Trarei três ou quatro reforços. Coloquei R$ 1,2 bilhão no Palmeiras.' O desabafo de Leila

Leila Pereira tratou de convocar uma coletiva, ao saber que a Mancha Verde buscará um candidato para enfrentá-la em 2024. Provavelmente Paulo Nobre. E deu sua resposta fortíssima. Atingiu até o Corinthians

Cosme Rímoli|Do R7 e Cosme Rímoli


Leila tratou de tentar abortar o renascimento de Paulo Nobre. Três ou quatro reforços de qualidade em 2024
Leila tratou de tentar abortar o renascimento de Paulo Nobre. Três ou quatro reforços de qualidade em 2024

São Paulo, Brasil

"Essa gente é o câncer do futebol brasileiro.

"Essas torcidas são caso de polícia.

"O Palmeiras não é lugar para (jogador) aposentado.

Publicidade

"Os jogadores que foram indicados pela comissão técnica não quiseram vir. Por medo da violência do Brasil.

"Vou ser candidata à reeleição.

Publicidade

"Se for reeleita, terei prazer e em continuar patrocinando.

"As minhas empresas colocaram R$ 1,2 bilhão no Palmeiras, quem fez isso?

"Me mostrem no papel que um clube (Corinthians) recebe R$ 123 milhões por ano, de patrocínio de sua camisa, que eu pago igual. Provem que por essa camisa do Corinthians estão pagando R$ 123 milhões."

Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu WhatsApp

Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp

Compartilhe esta notícia pelo Telegram

A empresária e presidente paga R$ 81 milhões anuais para sua empresa estar em todo uniforme palmeirense.

Leila Pereira tratou de dar uma resposta imediata à Mancha Verde, a principal torcida organizada do Palmeiras, que pretende buscar um candidato para apoiar e evitar que a empresária siga seis anos no comando do clube.

Ela não quer o renascimento político de Paulo Nobre, a única pessoa no cenário da oposição que pode enfrentá-la. Ele renunciou ao cargo de conselheiro vitalício em 2019. Mas pode concorrer à presidência por ter sido conselheiro por quatro anos seguidos. O estatuto não exige que sejam os anos que precedem a eleição de 2024.

Em uma coletiva não programada, a presidente do Palmeiras decidiu se defender, porque internamente está sendo criticada por conselheiros. Por o clube acumular mais de R$ 700 milhões de receitas em 2023 e não contratar. Por nem sequer repor as perdas de Danilo e Gustavo Scarpa. Por ter, predominantemente, garotos, muitos deles adolescentes, no banco do Palmeiras. Nenhum deles com capacidade de substituir Dudu, que teve de se submeter a uma cirurgia.

Leila contratou Tabata. Contratação fácil e que não funcionou. Está no Catar
Leila contratou Tabata. Contratação fácil e que não funcionou. Está no Catar

Leila sabe que sua teimosia em buscar atletas com nível técnico alto acabou por desperdiçar a Libertadores, a Copa do Brasil e o Brasileiro. O Palmeiras ganhou competições menos valorizadas, como a Supercopa do Brasil e o Paulista.

Ela admitiu que sentiu a pressão pela perda dos títulos. Mas não quis falar dos bastidores do Palmeiras, onde perdeu a unanimidade. Desabafou contra a Mancha Verde, que ela promete processar porque as 40 lojas que possui, de financiamento pessoal, foram pichadas. Todas elas com as seguintes frases: "Leila mentirosa." E "fora Barros". Anderson Barros é o executivo de futebol do clube e teria a missão de convencer a presidente a reforçar o elenco.

"É inadmissível. Pressão é normal, mas atos de vandalismo não são. Contra um parceiro, contra quem quer que seja... Um parceiro que está há nove anos no Palmeiras, só colaborando com o clube.

"A minha empresa chegou em 2015, o Palmeiras quase caiu em 2014 e ficou, mas não por méritos. Vocês [jornalistas] sabem disso, e o torcedor, também. Ninguém nos procurou do Palmeiras, nós que viemos aqui oferecer patrocínio. Sem esse aporte financeiro que fizemos durante todos esses anos...

"Os meus patrocínios já chegaram a R$ 1,2 bi no clube.

"Por quê?

"Porque eu tinha certeza de que, com aporte financeiro, poderíamos reerguer o Palmeiras. Futebol se faz com investimento, sem dinheiro você não faz nada.

"Não é tocando bumbo na porta da Academia [de Futebol] que vou renovar com os jogadores.

"Não é tocando tambor e ameaçando atletas que vou contratar novos jogadores.

"É com investimento, trabalho claro e profissional."

Abel Ferreira sentiu demais a perda da Libertadores. A tendência é que fique só até o fim de 2024. Leila sabe
Abel Ferreira sentiu demais a perda da Libertadores. A tendência é que fique só até o fim de 2024. Leila sabe

Leila estava especialmente irritada. No mundo empresarial, ela é conhecida pelo gênio forte.

"Pela agressividade, pelo medo, vão se impor? Não.

"Enquanto eu for presidente, vou fazer o que é melhor para o Palmeiras. Somos preparados. Essas pessoas que gritam na porta, que preparo têm para administrar um clube da grandeza do Palmeiras? O que construíram na vida além de confusão, dor e morte?

"Não podemos dar ouvidos. Temos que ouvir pessoas do bem, que querem o melhor do futebol para valorizar o trabalho de cada um. Isso que peço para as autoridades, para o presidente da CBF. Temos que bater forte contra essas pessoas que estão com mentalidade de que, pela força, vão administrar um clube.

"Nós, dentro do Palmeiras, somos extremamente preparados.

"Essas torcidas nunca construíram nada, são caso de polícia."

Além disso, está evidente que Abel Ferreira está desgastado, depois de três anos de Palmeiras. Nos bastidores do clube, há quase a certeza absoluta de que ele não renovará contrato. Quer trabalhar na Europa. Por mais que Leila siga insistindo com a renovação antecipada até o fim de 2027, data em que terminaria um hipotético segundo mandato da presidente.

'Se me provarem que o Corinthians recebe R$ 123 milhões pela camisa, eu pago o mesmo', desafia Leila
'Se me provarem que o Corinthians recebe R$ 123 milhões pela camisa, eu pago o mesmo', desafia Leila

"O Abel tem contrato conosco até dezembro de 2024. Conversei com ele, sim, que é um desejo muito grande que tenho que ele fique comigo até o fim do meu segundo mandato, se eu for reeleita.

"Ele não fala que sim nem que não, mas eu vejo que o Abel está muito feliz aqui no Palmeiras", diz, tentando passar a confiança em que o técnico permaneça.

Quanto à resposta mais aguardada, ela foi evasiva. Como o Palmeiras se reforçará para 2024?

"Eu não quero trazer jogador que não deu certo na Europa e quer se aposentar aqui, o Palmeiras não é lugar de jogador aposentado.

"Quero jogador que possa resolver, contratamos apostas que viriam para resolver, mas vocês sabem que eles demoram a performar.

"Nós já temos o planejamento para o ano que vem. Nós já temos no nosso departamento de análise a contratação de três a quatro atletas.

"Se forem atletas que não queiram vir para o Brasil e não tenhamos opções, vamos nos virar com o que temos."

Não será o que acontecerá.

Leila aprendeu com o ano decepcionante, frustrante do Palmeiras.

E contratará jogadores importantes.

Até para abortar qualquer risco de volta de Paulo Nobre.

Os dois bilionários são inimigos mortais...

Palmeirense tem razão em 'cornetar' Leila Pereira? Veja os argumentos e decida

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.

</