Cosme Rímoli Muricy Ramalho vira 'plano B', caso Vojvoda resolva seguir no Fortaleza. Antônio Oliveira foi oferecido. Dorival já é da Seleção

Muricy Ramalho vira 'plano B', caso Vojvoda resolva seguir no Fortaleza. Antônio Oliveira foi oferecido. Dorival já é da Seleção

Dorival assumiu para o presidente do São Paulo, Julio Casares, que vai para a Seleção. Casares quer um treinador já para esta semana. Vojvoda é o plano A. A novidade é Muricy, plano B. Antônio Oliveira foi oferecido

  • Cosme Rímoli | Do R7

Muricy Ramalho vira plano B, caso Vojvoda não queira abandonar o Fortaleza. Nome agrada Casares

Muricy Ramalho vira plano B, caso Vojvoda não queira abandonar o Fortaleza. Nome agrada Casares

São Paulo

São Paulo, Brasil

Reunião às pressas no São Paulo, neste domingo.

Dorival Junior, como o blog informou mais cedo, aceitou treinar a Seleção.

Acreditou no presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, que a Fifa e a Conmebol irão dar respaldo à sua eleição, e não aceitarão interferência da Justiça Comum para tirá-lo do cargo.

Dorival Junior quer levar toda sua Comissão Técnica do São Paulo.

A intenção do técnico é se despedir do elenco amanhã e não treinar a equipe.

O presidente Julio Casares escolheu Juan Pablo Vojvoda como o principal nome para substituir Dorival Junior. Só que o presidente do clube cearense, Alex Santiago, e o CEO da SAF que controla o Fortaleza, Marcelo Paz, estão insistindo para que o argentino siga no clube.

Vojvoda já recuou Corinthians, Atlético Mineiro e Atlético, disse no final de 2023 que iria 'analisar com calma' as propostas que surgissem em 2024.

E ele está tentado a ir para o São Paulo, caso a proposta chegue oficialmente. As tratativas, até a tarde deste domingo, 7 de janeiro, foram extraoficiais.

Se por acaso, Vojvoda for convencido a ficar no clube que está fazendo tanto sucesso, Casares tem outras duas opções.

A primeira é caseira.

Muricy Ramalho, aos 68 anos, estaria disposto a ficar uma temporada no cargo.

Comandar o time com foco total na Libertadores.

Muricy Ramalho, tetracampeão brasileiro, parou de trabalhar como técnico em 2016. Por arritmia cardíaca

Muricy Ramalho, tetracampeão brasileiro, parou de trabalhar como técnico em 2016. Por arritmia cardíaca

Flamengo

Muricy parou de trabalhar como treinador em 2016, depois de problemas sérios de arritmia. Lembrando o que aconteceu com seu mentor, Telê Santana, que trabalhou até ter uma esquemia cerebral, Ramalho quis apenas trabalhar como coordenador de futebol.

A princípio, a família, o apoiaria.

Mas a postura de Muricy é: se Casares não conseguir contratar um treinador com o perfil de Dorival Junior.

O português Antônio Oliveira, que faz excelente trabalho no Cuiabá, foi oferecido por agentes ao presidente são paulino.

Seu nome foi recebido com muito interesse.

Casares só tem uma definição.

Quer escolher o novo treinador do São Paulo o mais rápido possível.

Ele já não conta mais com Dorival Junior, que será o novo técnico da Seleção, realizando o maior sonho de sua carreira.

Um novo nome foi sugerido por conselheiros.

O de Thiago Carpini, treinador do Juventude.

Mas as suas chances são muito menores...

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas