Cosme Rímoli Guerrero fatura R$ 90,6 milhões em nove anos de Brasil

Guerrero fatura R$ 90,6 milhões em nove anos de Brasil

O peruano não tem o que reclamar de Corinthians, Flamengo e Internacional. Tem contratos milionários desde que chegou ao país, em 2012

guerrero

Guerrero, entre luvas e salários, R$ 800 mil no Inter. Outro contrato sensacional

Guerrero, entre luvas e salários, R$ 800 mil no Inter. Outro contrato sensacional

Internacional

São Paulo, Brasil

Paolo Guerrero não tem o que reclamar deste país.

Muito pelo contrário.

Ao desembarcar no Corinthians em 2012, com 28 anos, ele já não tinha mercado na Europa. Foi comprado por R$ 7,5 milhões junto ao Hamburgo. Fechou contrato de três anos. Ganhou entre luvas e salários R$ 500 mil mensais.

Veja mais: Guerrero é apresentado no Internacional e promete retribuir o carinho da torcida

Fora premiações, como pela conquista do Mundial, ele recebeu nada menos do que R$ 18 milhões.

Se valorizou.

E ficou irritadíssimo ao saber que, em 2013, o clube havia comprometido R$ 40 milhões com Alexandre Pato. Atacante que acabou reserva, jogando muito pior do que ele.

Por isso, o peruano exigiu R$ 18 milhões de luvas e R$ 700 mil mensais para um contrato de mais três anos. O Corinthians não aceitou. O jogador, com 31 anos, não se importou.

Veja mais: Amor ao time? Saiba quem são os treinadores 'ioiô' do Brasileirão

Fechou com o Flamengo em uma operação que custou à equipe carioca, R$ 41 milhões. R$ 650 mil mensais e mais R$ 16 milhões em luvas. Mais três anos de contrato.

As promessas não se concretizaram.

O jogador passou por vários períodos de jejum de gols.

Mas atuando em equipes fracas.

O desgaste foi mútuo e o peruano deixou a Gávea.

Fechou com o Internacional, que hoje fez uma apresentação apoteótica.

Novo contrato de três anos.

Guerrero tem 34 anos.

Receberá R$ 10 milhões de luvas, pagas pelo grupo DIS. R$ 5 milhões agora e R$ 5 milhões diluídos no seu compromisso de 36 meses. O Internacional bancará R$ 600 mil mensais. O total da operação: R$ 31,6 milhões.

No Corinthians, saída foi motivada por mágoa pelo salário de Alexandre Pato

No Corinthians, saída foi motivada por mágoa pelo salário de Alexandre Pato

Agência Corinthians

Ou seja, o Brasil tratou Guerrero com todo carinho.

E cofres abertos.

Não o que reclamar nos nove anos que passará aqui.

Nada menos do que R$ 90,6 milhões.

Fora premiações e bônus.

Por isso Guerrero repete sempre que pode.

"Eu amo o Brasi."

Veja mais: Conheça quem são os pais mais corujas do mundo do futebol

E não tem que amar?

Guerrero. Vários períodos de jejuns. E times fracos. Decepção dos dois lados

Guerrero. Vários períodos de jejuns. E times fracos. Decepção dos dois lados

Flamengo

Não é por acaso que Andrés Sanchez diz aos aliados.

"Guerrero é jogador que melhor faz contrato neste país."

Desta vez, Andrés tem razão...

Guerrero é recebido em Porto Alegre com festa dos torcedores do Inter

    Access log