Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

'Estava ao lado do Luciano do Valle quando ele morreu. E me despedi do Osmar Santos antes do acidente.' Fernando Fernandes

Um balanço corajoso de 39 anos de carreira. Das tragédias, a morte de Luciano do Valle e o acidente de Osmar Santos, às conquistas e derrotas da seleção brasileira. Entrevista reveladora de Fernando Fernandes

Cosme Rímoli|Do R7 e Cosme Rímoli

São Paulo, Brasil

A jovialidade de Fernando Fernandes é incrível.

Sua energia não combina com seus 61 anos, de maneira alguma.

São 39 anos de carreira.

Publicidade

E o destino fez com que tivesse dois grandes mestres no jornalismo esportivo.

Osmar Santos, no rádio, e Luciano do Valle, na televisão.

Publicidade

Aproveitou a oportunidade rara e conseguiu entender a necessidade do raciocínio rápido, a simpatia, as palavras precisas de Osmar, e a técnica apuradíssima, a antevisão, a constância de Luciano do Valle.

Mas ele também teve a tristeza de acompanhar muito de perto a tragédia que atingiu os dois ícones da comunicação brasileira.

Publicidade
Fernando Fernandes. Marcado pelas tragédias dos seus grandes mestres. O melhor repórter esportivo da TV
Fernando Fernandes. Marcado pelas tragédias dos seus grandes mestres. O melhor repórter esportivo da TV Fernando Fernandes. Marcado pelas tragédias dos seus grandes mestres. O melhor repórter esportivo da TV

Primeiro, foi ele o último jornalista a se despedir de Osmar Santos, no fatídico 22 de dezembro de 1994. Em uma viagem entre Marília e Birigui, seu carro foi atingido em cheio por um caminhão. 

Osmar perdeu massa encefálica. Desde então, ele tem problemas de locomoção e fala.

Depois, em dezembro de 2014, Fernando Fernandes estava no avião, com Luciano do Valle. O narrador voava de São Paulo a Uberlândia, onde transmitiria Atlético Mineiro e Corinthians. Luciano passou mal durante o voo e, assim que o avião pousou na cidade mineira, foi levado às pressas a um hospital. Mas teve parada respiratória, morreu por causa de um infarto agudo.

As tragédias dos grandes mestres marcaram Fernando. 

Ele segue implacável como o melhor repórter esportivo da tevê brasileira. Também ótimo apresentador.

Mas aprendeu que também precisa aproveitar a vida.

Acompanhou de perto o auge e os fracassos da seleção brasileira.

E revela quanto se tornou distante a relação com os jogadores e como o time pentacampeão está afastado da população, perdeu a cumplicidade dos brasileiros.

Sua entrevista exclusiva está publicada no canal do Cosme Rímoli no YouTube.

Onde há depoimentos marcantes de Milton Neves, Denilson, Hortência, Silvio Luiz, PVC, Casagrande, Benjamin Back, Dodô, Chico Lang, Sálvio Spíndola, Reinaldo Carneiro Bastos, André Henning, Márcio Zanardi, Ney Franco.

Inscreva-se neste link. A cada semana, uma nova entrevista.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.