Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Cosme Rímoli - Blogs
Publicidade

Estevão não quer o Chelsea. Deseja jogar no Barcelona. Como Endrick, que cedeu e acabou fechando com o Real Madrid

A situação é simples. Não despertou a menor alegria em Estevão, garoto de 17 anos, que deixou bem claro para o seu estafe. Não deseja ir para o Chelsea. Seu desejo é a Espanha. O Barcelona, como um dia foi de Endrick, que fechou com o Real Madrid

Cosme Rímoli|Cosme RímoliOpens in new window

Estevão quer o Barcelona, como era o sonho de Endrick. Nova revelação do Palmeiras não deseja ir para o Chelsea

A situação é simples.

E clara.

Estevão, nova sensação do Palmeiras, desperta um leilão entre grandes clubes europeus.

O mais interessado no jogador, que era chamado de Messinho no Cruzeiro, é o Chelsea.

Publicidade

Empresários garantem que haverá uma oferta real na próxima semana.

Serão 30 milhões de euros, cerca de R$ 164 milhões.

Publicidade

E possíveis mais 25 milhões de euros, cerca de R$ 136 milhões, dependendo do desempenho do meia/atacante.

O Palmeiras quer a multa total do atleta, de uma vez, R$ 245 milhões.

Publicidade

Nada de ‘metas a serem alcançadas’.

A direção pensa em antecipar a renovação, marcada para o final de 2026.

Aumentar o salário do garoto e subir muito a multa rescisória.

Só que há outro fator para travar o clube inglês.

Estevão já deixou claro para André Cury, seu empresário.

Quer ir para o Barcelona, sonho de infância.

Endrick tinha o mesmo desejo.

Mas foi convencido a ir para o Real Madrid.

Estevão se mostra mais firme em relação à sua convicção.

“Nasci vendo Neymar, Messi e Suárez. Meu maior sonho é jogar no Barcelona.”

O jogador falou com todas as letras para o Mundo Deportivo.

Empresários representando o clube catalão têm ótimas referências de Estevão.

Só que o potencial financeiro atual do Barcelona é menor do que do Chelsea.

PSG corre por fora.

Mas Estevão, ao contrário de Endrick, fará de tudo para ir à Catalunha.

O que pode ser um problema futuro ao Palmeiras...




Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.