Cosme Rímoli Desiludido, Artur não tem saída. A não ser ir jogar no Zenit, da Rússia. Pela segunda vez não rendeu o que o Palmeiras esperava

Desiludido, Artur não tem saída. A não ser ir jogar no Zenit, da Rússia. Pela segunda vez não rendeu o que o Palmeiras esperava

No relatório final da temporada, Abel deixou claro à direção do Palmeiras. Artur é um jogador qualificado. Mas pode ser vendido. Há peças de reposição. E é o que o Palmeiras está fazendo. Já tem tudo acertado com o Zenit

  • Cosme Rímoli | Do R7

Artur não tem outra saída. A não ser ir para a Rússia e jogar no Zenit. Não rendeu o que se esperava

Artur não tem outra saída. A não ser ir para a Rússia e jogar no Zenit. Não rendeu o que se esperava

Cesar Greco/Palmeiras

São Paulo, Brasil

Jogador empenhado, obediente taticamente.

Muito inteligente, técnico, habilidoso.

Mas...

Falta de explosão muscular, de velocidade.

Dificuldade em recompor, ajudar a fechar o setor.

Travar o lateral adversário.

Precipitação, falta de sangue-frio nos arremates a gol.

Pé-direito falho, dependência total da canhota.

O diagnóstico final de Abel Ferreira estimulou o Palmeiras a aceitar a venda de Arthur, atacante de 25 anos, ao Zenit.

A proposta é de 15 milhões de euros, cerca de R$ 79 milhões.

Mais 5 milhões de euros, cerca de R$ 26,5 milhões, dependendo da produtividade.

O dinheiro seduziu Leila Pereira.

A presidente sabe que o Palmeiras gastou R$ 45 milhões para recontratar o jogador do Bragantino.

Pela dirigente, o negócio está "fechado".

Artur não queria ir para a Rússia.

Mas está sendo convencido.

Ele sabe que não perdeu apenas espaço para Endrick.

Virou reserva por não corresponder ao futebol moderno, competitivo que Abel Ferreira implementa no Palestra Itália.

Breno Lopes se mostrou muito mais útil como homem de lado do campo.

Em 2024, Kevin terá mais chances. 

Rony e Dudu estarão recuperados de contusões.

Ou seja, mesmo com a garantia de que Endrick irá embora em julho, o espaço de Artur seria muito limitado na próxima temporada.

O sonho de mostrar que a direção do Palmeiras estava errada ao vendê-lo ao Bragantino, em 2020, não deu certo. Menos pelos dez gols e duas assistências, Artur ficou devendo em desempenho.

Decepcionado, Artur não tem saída.

O melhor para sua carreira é se conformar.

E ir jogar na Rússia.

Pela segunda vez, se iludiu.

E se decepcionou com o Palmeiras...

Palmeiras leva R$ 550 milhões em premiação na era Abel; veja o que dá para fazer com esse dinheiro

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas