Cosme Rímoli Atlético Goianiense enfrenta opinião pública. E contrata Jean

Atlético Goianiense enfrenta opinião pública. E contrata Jean

O goleiro do São Paulo, que agrediu sua mulher nas frente das duas filhas, foi contratado pelo Atlético Goianiense, até o final do ano. Já há protestos

Jean vai jogar no Atlético Goianiense, Atlético Goianiense contrata Jean, Jean agride esposa, Jean São Paulo

Jean é o novo goleiro do Atlético Goianiense, time da Série B no Brasileiro

Jean é o novo goleiro do Atlético Goianiense, time da Série B no Brasileiro

Reprodução/Twitter

São Paulo, Brasil

A diretoria do Atlético Goianiense comprou briga com a opinião pública.

Acaba de anunciar a contratação de Jean, goleiro do São Paulo, por empréstimo.

Até o final do ano.

Jean agrediu com oito socos sua esposa Milena, no dia 18 de dezembro do ano passado. Ele chegou a ficar dois dias preso nos Estados Unidos, em Orlando.

Para preservar a carreira do marido, Milena não o processou no Brasil.

Mas a diretoria do São Paulo ficou revoltada e garantiu que ele não atuaria mais com a camisa tricolor.

O dirigente mais revoltado foi Raí.

Jean foi proibido inclusive de se reapresentar com os demais companheiros de time.

O Ceará foi o primeiro interessado.

Mas a diretoria recuou, diante da pressão da imprensa e de seus torcedores.

O presidente Adson Batista, do Atlético Goianiense, clube que está na Série A, resolveu enfrentar a opinião pública.

E ofereceu o contrato até dezembro para Jean.

No São Paulo há a garantia que o clube não receberá nada pela cessão do atleta.

Apenas se livrará dos salários de R$ 150 mil mensais.

A notícia acaba de ser confirmada por Adson Batista.

A previsão é que Jean se apresente nos próximos dias.

A revolta nas redes sociais já é enorme...

Jean é mais um na lista de jogadores acusados de agredir mulheres