Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

O pior adversário para Palmeiras, Fluminense, Inter ou Boca. Na semifinal do Mundial, o Al-Ittihad, de Benzema, jogando em casa

O caminho do campeão da Libertadores será muito mais difícil do que o do Manchester City para chegar à final do Mundial de Clubes. O sorteio de hoje pôs o Al-Ittihad, de Benzema, Fabinho e Kanté, na provável semifinal

Cosme Rímoli|Do R7 e Cosme Rímoli

Benzema, estrela do Al-Ittihad, mais que provável adversário do vencedor da Libertadores, na semi do Mundial
Benzema, estrela do Al-Ittihad, mais que provável adversário do vencedor da Libertadores, na semi do Mundial Benzema, estrela do Al-Ittihad, mais que provável adversário do vencedor da Libertadores, na semi do Mundial

São Paulo, Brasil

Abel Ferreira, Fernando Diniz, Eduardo Coudet e Jorge Almirón.

Os quatro treinadores que disputarão a semifinal da Libertadores da América e que acalantam o sonho de chegar ao Mundial.

A partir de hoje, depois do sorteio da Fifa, terão outro grande motivo para se preocuparem com o sonho de conquistar o mundo, na Arábia Saudita.

Publicidade

E não se trata apenas do Manchester City, de Guardiola, vencedor da Champions League. O sorteio pôs no caminho do vencedor da Libertadores outra equipe muito forte.

O time da casa é nada menos que o Al-Ittihad, de Benzema, Fabinho, Kanté, comandados pelo português Nuno Espírito Santo.

Publicidade

A tabela mostra que o Al-Ittihad deverá ser o adversário do campeão da Libertadores na semifinal do Mundial. Basta a equipe de Benzema manter a lógica e eliminar o Auckland City, da Austrália, que venceu a "Champions da Oceania".

E depois o adversário deverá ser o vencedor da "Champions da África", o Al-Ahly, do Egito.

Publicidade

Como prêmio, a semifinal do Mundial, com o confronto com o vencedor da Libertadores.

Do lado do Manchester City, campeão da Champions League, provavelmente, o adversário da semifinal será o Léon. Basta os mexicanos, vencedores da Concachampions, derrotarem os japoneses do Urawa Red Diamonds, campeões da Champions da Ásia.

Na teoria, o caminho do vencedor da Libertadores será mais difícil do que o do Manchester City.

A partir de 2025, o Mundial de Clubes será completamente reformulado. Terá 32 equipes e será disputado de quatro em quatro anos. No país-sede da Copa do Mundo. Como uma maneira de estimular a competição.

Abel sabe que, se vencer a Libertadores, o caminho até a final do Mundial será o mais difícil
Abel sabe que, se vencer a Libertadores, o caminho até a final do Mundial será o mais difícil Abel sabe que, se vencer a Libertadores, o caminho até a final do Mundial será o mais difícil

Serão nada menos do que 12 clubes europeus, 6 da América do Sul, 4 da Concacaf, 4 da Confederação Asiática, 4 da Confederação Africana, 1 da Confederação da Oceania e 1 do país-sede, Estados Unidos.

Palmeiras e Flamengo já estão garantidos no torneio de 2025, por terem vencido a Libertadores de 2021 e 2022, respectivamente.

Para o sonho de Diniz, um confronto com seu mentor Guardiola, a caminhada ficou muito mais dura
Para o sonho de Diniz, um confronto com seu mentor Guardiola, a caminhada ficou muito mais dura Para o sonho de Diniz, um confronto com seu mentor Guardiola, a caminhada ficou muito mais dura

Em 2024, a Fifa ainda definirá como será a competição. Pode ser que não aconteça. Ou que reúna o campeão da Libertadores contra o vencedor da Champions.

Mas o que está certo é o mundial deste ano.

E o Al-Ittihad, de Benzema, jogando em casa, era um adversário que nenhum treinador que disputa a Libertadores queria ter na semifinal.

Mas o sorteio foi cruel com os sul-americanos...

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.