Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Cosme Rímoli - Blogs
Publicidade

Abel joga a responsabilidade dos títulos de 2024 para o Flamengo, de Tite. “Eles têm dinheiro. E um melhor treinador.”

O técnico português conseguiu desviar o foco do péssimo futebol de ontem, na derrota para o Internacional, em Barueri. E expôs o Flamengo, o clube mais rico do país e que contrata os jogadores mais caros. Conseguiu. Constrangido, Tite teve de responder

Cosme Rímoli|Cosme RímoliOpens in new window

Tite e Abel Ferreira Tite e Abel Ferreira

O Palmeiras mostrou um futebol frustrante, contra o Internacional, ontem, em Barueri.

Nos planos de Abel Ferreira, ele contava com os três pontos.

Jogadores importantes outra vez atuaram mal, como Raphael Veiga, Lázaro, Flaco e, principalmente, Piquerez.

O time gaúcho de Coudet, teve um conjunto mais forte, vibrante, intenso.

Publicidade

Venceu a partida com méritos.

Abel protege seus atletas o máximo que pode.

Publicidade

E, inteligente, aproveitou o confronto forte, importante, de domingo, e desviou todo o foco para o dinheiro do Flamengo, que possibilita Tite escolher, selecionar atletas de altíssimo nível, para contratar.

Por mais que o clube tenha acabado de anunciar a chegada de Felipe Anderson, em julho, depois de 11 anos de Europa, não dá para comparar o dinheiro que o Flamengo gastou nas contratações para 2024.

Publicidade

Nada menos do que R$ 161 milhões.

Com De La Cruz, Viña, Léo Ortiz e Carlinhos.

O Palmeiras gastou um pouco mais da metade.

Foram R$ 83 milhões.

Nas compras de Aníbal Moreno, Bruno Rodrigues, Lázaro, Rômulo.

“O que eles têm? Têm mais dinheiro do que o Palmeiras para comprar jogadores feitos. Só isso.

“Não sei (se o método de trabalho é parecido). Eu vou analisar o Flamengo a partir de agora, sei que tem um elenco recheado de bons jogadores, um treinador que disse que, se forem (contratados) jogadores para dar base, eles os têm lá, (deixou claro) que quer jogadores prontos. Isso foi ele (Tite) quem disse, não eu”, provocou, com sucesso, Abel.

Tite sabe que é verdade o que o treinador português afirmou.

Só que não quis ‘comprar a briga’, porque sabia que iria perder.

Porque o Flamengo comprou três jogadores qualificados, prontos para entrarem em campo, e uma só aposta: Carlinhos.

O Palmeiras só trouxe Aníbal Moreno como certeza.

Bruno Rodrigues, Lázaro e Rômulo são apostas.

Eu entendo a observação sobre o Abel, mas eu tenho que entender o contexto. Eu tenho muito respeito pelo Abel. Mas eu posso falar aquilo que eu conversei com o Bruno (Spindel). Sobre o orçamento do Flamengo, existem seis iguais (no Brasil)”, falou Tite, fugindo do confronto, para não expor sua superioridade nas escolhas.

Tite adora ‘dizer’, sem falar. Ele se refere ao Atlético Mineiro, Internacional, São Paulo, Grêmio, Fluminense e o próprio Palmeiras.

O ex-treinador da Seleção sabe que os orçamentos desses clubes para contratações não chegam nem perto do Flamengo.

Mas não quer assumir o óbvio favoritismo que o dinheiro lhe proporciona.

Tite sempre foi assim.

Abel também.

Chegou a dizer que Tite é melhor do que ele.

“O Flamengo tem um treinador que vocês conhecem tão bem ou melhor do que eu com: Seleção Brasileira, títulos, com muita experiência, muitos mais cabelos brancos do que eu, melhor do que eu.”

Abel conseguiu seu intento.

Desviou o foco.

Jogou a responsabilidade para o clube carioca nas disputas do Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores, competições que os dois clubes são favoritos.

Mas precisa trabalhar muito para recuperar o bom futebol de atletas fundamentais, que estão muito mal.

Isso, se pretende cumprir seu planejamento de dar uma arrancada na liderança do Brasileiro, antes da Copa América, que ‘desmanchará' sua equipe.

O primeiro passo será domingo, no Allianz Parque.

Diante do riquíssimo elenco que Tite tem nas mãos.

Será o primeiro confronto de muitos, que virão, nesta importante temporada de 2024.


Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.