Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Cosme Rimoli Copa 2018
Publicidade

Willian reconhece. O Brasil das Eliminatórias é diferente do da Copa

O meia atacante deixa escapar que a pressão e o nervosismo mexeu com o time no Mundial. Mas agora, na fase decisiva, a equipe encaixou 

Cosme Rímoli|Do R7 e Cosme Rímoli

Willian está mais confiante e garante que amadureceu em relação a 2014
Willian está mais confiante e garante que amadureceu em relação a 2014 Willian está mais confiante e garante que amadureceu em relação a 2014

Sochi, Rússia

William assumiu o que era muito fácil de perceber. Mas ele foi quem reconheceu. O Brasil da Copa do Mundo é muito diferente do Brasil das Eliminatórias. E não por causa dos rivais,

"Sem dúvida que é totalmente diferente uma competição para a outra. Copa tem sete jogos, e as eliminatórias demoram muito mais. Sem dúvida, desde o primeiro jogo para cá, o time vem em uma evolução muito grande.

"Tem o nervosismo do primeiro jogo, em uma estreia mais complicada, e cresceu passo a passo. Vejo a seleção brasileira muito bem do mesmo nível de quando estava jogando nas eliminatórias. É o que esperamos levar para o jogo contra a Bélgica, essa concentração, não levar gols. Importante ser mentalmente forte como o Tite diz."

Publicidade

Willian tem uma ligação importante com a Bélgica. Joga com Hazard, no Chelsea. São amigos próximos.

''Hazard é um dos melhores do mundo. Temos um relacionamento muito bom. Jogamos juntos há cinco anos e pela primeira vez vou enfrentá-lo. É um jogador muito humilde e gosto muito de compartilhar meu dia a dia com ele, de ter um relacionamento no clube. Agora é o momento de cada um defender o seu lado e espero levar a melhor. Eu farei tudo o que for possível para ganhar esse jogo, mas vamos continuar amigos."

Publicidade

Lógico que também falaria de Courtois, um dos melhores goleiros do mundo.

'Eu acho difícil jogar contra o Courtois. Ele é muito bom e alto. Mas nesse momento temos que fazer algo especial para superá-lo. Sabemos de sua qualidade, mas temos que tudo que for possível para vencê-lo. Temos goleiros de muita qualidade como ele."

Publicidade

Willian reconhece que evoluiu do último Mundial para cá.

"Estou mais maduro e experiente do que na Copa passada. O time está mais consistente também. A humildade é a mesma, confiança também. O importante é a Seleção vencer e, como eu disse, estou crescendo. O momento é bom e espero jogar ainda melhor no próximo jogo."

O meia atacante já mostrou sua revolta após a vitória contra o México, quando foi um dos melhores em campo. Desabafou contra os críticos. Mas sabe que terá uma sombra poderosa, de verdade, esperando para tomar o seu lugar. Douglas Costa está recuperado. 

Ele que siga confiante, atrevido diante dos belgas...

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.